Revista Comprecar
Volkswagen Up “em corte” revela segredos de sua estrutura
Fabricante usa estrutura aparente para destacar qualidades do seu subcompacto Up
Volkswagen Up “em corte” revela segredos de sua estrutura
12 de Abril de 2017

.

CONHEÇA UMA OFERTA DO VW UP - CLIQUE AQUI!

Com o objetivo de destacar os principais atributos do Up, a Volkswagen preparou uma plataforma com a estrutura aparente da linha do modelo. Produzido em Taubaté (SP), o Up utiliza a plataforma PQ12, uma das mais modernas do mercado brasileiro, e tem uma série de tecnologias e recursos de segurança exclusivos na categoria, que nem sempre estão expostos. A plataforma com seus componentes estruturais expostos permanece funcionando normalmente.
 
O Up comercializado no mercado brasileiro é diferente do modelo vendido na Europa. O modelo nacional mede 3,68 metros de comprimento (ganho de 6,5 centímetros sobre o modelo europeu), 1,64 metro de largura (sem retrovisores) e 1,50 metro de altura (acréscimo de 2 centímetros).
 
Nessas dimensões compactas destacam-se os balanços (distância entre o centro da roda e a extremidade do veículo) dianteiro e traseiro curtos, o que evidencia a versatilidade do modelo. Isso ajuda muito o veículo a evitar problemas em obstáculos como lombadas e valetas.
 
Maior espaço interno da categoria
 
Para um carro compacto, o Up tem grande distância entre-eixos: 2,42 metros, permitindo utilizar de forma inteligente o espaço interno disponível. Para demonstrar na prática que o Up tem o maior espaço interno entre os seus concorrentes diretos, a plataforma com a estrutura aparente está equipada com um manequim tridimensional no banco braseiro. Com 77 kg, o manequim está ajustado com as dimensões relativas ao 50 percentil, ou seja, abrangendo 50% da população mundial (pessoas com até 1,69 metro de altura).
 
O espaço para cabeças na dianteira é de impressionantes 993 milímetros, com 948 milímetros na parte traseira. Os assentos são posicionados em boa altura na frente e atrás; para o motorista e para o passageiro da frente, o chamado ponto “H” – o vértice onde se encontram o assento e o encosto do banco – está a 306 mm de altura; na parte de trás o ponto “H” está aos 378 mm de altura.  Essa posição um pouco mais elevada para os passageiros traseiros lhes proporciona uma melhor visão sobre os ombros do condutor e do passageiro da frente.
 
Outra alteração importante em relação ao Up europeu são as janelas traseiras, cujos vidros podem ser abertos verticalmente, o que garante melhor ventilação do habitáculo. Essa característica também contribui para melhorar a sensação de amplitude no interior. No Up brasileiro os comandos dos vidros elétricos estão posicionados nos apoios de braço, nas portas dianteiras.
 
O tanque de combustível no modelo brasileiro tem capacidade para 50 litros (15 litros a mais que no modelo europeu), o que garante excelente autonomia quando abastecido com gasolina ou com etanol.
 
Seu porta-malas, que tem 285 litros de capacidade, representa ganho de 34 litros sobre o do modelo europeu (251 litros) e o torna um dos maiores da categoria. Com o banco traseiro rebatido, o compartimento atinge volume de 976 litros. Surpreendente para um veículo com essas dimensões.
 
Além disso, o porta-malas recebe (a partir do high Up) o sistema de ajuste variável de espaço “s.a.v.e.” – uma plataforma removível, bastante leve e fácil de utilizar, que altera o tamanho do compartimento e permite acomodar bagagens de tamanhos variados de forma simples e prática.
 
As suspensões dianteira e traseira têm calibração especialmente definida para as ruas e estradas brasileiras e são 20 mm mais elevadas em relação ao Up europeu. Associado ao conjunto de roda e pneu verdes (com baixa resistência ao rolamento em todas as versões) com 612 mm de diâmetro, isso confere maior vão livre em relação ao solo e garante maior robustez em rodagem.
 
Altos níveis de segurança e qualidade
 
A carroceria do Up tem 75% de seu peso composto por aços especiais, que possuem diferentes graus de resistência, conforme a necessidade – trata-se da aplicação do material correto no local certo. Em sua estrutura combinam-se aços de ultra-alta resistência, alta resistência, média resistência e de estampagem profunda. Reforços adicionais, na parte superior da porta, por exemplo, aumentam a segurança passiva – especialmente no caso de acidentes graves.
 
O Up também utiliza aços conformados a quente, que possuem ainda maior resistência e que permitiram reduzir o peso da estrutura do carro. O Up foi o primeiro veículo de seu segmento no Brasil a utilizar esse material e continua a ser o único nesse nicho de mercado com tal tecnologia.
 
Padrões de conforto de classes superiores
 
A estrutura especialmente rígida permite ao Up atingir níveis de conforto de veículos de classes superiores, em termos de acústica e vibração. Ele utiliza um sistema específico, que proporciona uma excelente isolação de ruído e vibração. A maior parte dos componentes é feita de liga de alumínio, sendo os coxins de alumínio-borracha e um de metal-borracha, o que oferece alta resistência e colabora para redução de peso do veículo.
 
O pacote de isolação acústica do Up é aplicado desde o painel frontal até o assoalho traseiro. O vão do motor também recebe isolação acústica no painel frontal.
 
O modelo também tem padrões superiores em sua classe com rigidez torcional estática de 17.800 Nm. Alta rigidez torcional ajuda principalmente no conforto e na dirigibilidade do carro, pois o conjunto não vibra ou oscila.
 
Estrutura inteligente
 
Para proteger os passageiros do Up, a estrutura da carroceria é formada por aços de ultra-alta e de alta resistência nas áreas de alta carga. Reforços adicionais, na parte superior da porta, por exemplo, aumentam a segurança passiva – especialmente no caso de acidentes graves.
 
No caso de uma colisão frontal, um sensor de impacto (early crash sensor) – diretamente atrás da grade frontal – pré-ativa sistemas de retenção antes do impacto real. O que acontece, então, em apenas alguns milissegundos, pré-tensionadores apertam o cinto de segurança, de forma a envolver o condutor e o passageiro da frente o mais cedo possível.
 
Limitadores de força nos cintos reduzem as cargas no peito dos ocupantes. Airbags dianteiros restringem o movimento da parte superior do corpo durante o impacto. A coluna de direção deformável contribui adicionalmente para a segurança, reduzindo ainda mais o risco de ferimentos para o motorista.
 
Sistema ISOFIX, top-tether e alerta para cinto de segurança desatado
 
O Up é equipado de série com sistemas ISOFIX e top-tether para fixação de dispositivos de retenção infantis (cadeirinhas), que reafirmam o modelo Volkswagen como o modelo mais seguro de sua categoria. A plataforma com a estrutura aparente também conta com uma cadeirinha instalada no banco traseiro, ao lado do manequim tridimensional. Preza por meio do sistema ISOFIX, a cadeirinha tem instalação fácil e rápida.
 
Além disso, o indicador de status do cinto de segurança no visor multifunções informa se o condutor e o passageiro do banco dianteiro estão com os cintos de segurança afivelados. Há também um lembrete sonoro de afivelar os cintos de segurança para os assentos dianteiros.
 
No banco traseiro os cintos laterais são retráteis já desde a versão de entrada Take Up, que conta com dois apoios de cabeça. Nas demais versões há três apoios de cabeça para o banco de trás.
 
A utilização do espaço no carro é excepcionalmente boa, por causa de sua distância entre-eixos – uma das maiores no segmento –, combinada ao motor compacto e à própria configuração do conjunto motriz. O motorista e os passageiros dianteiro e traseiros viajam com conforto e segurança em um up!.
 
Os bancos modulares “one shape” servem como a base para uma ampla gama de variantes para versões específicas do Up e oferecem alto índice de conforto de condução. Os apoios de cabeça para o motorista e passageiro da frente são integrados aos assentos – no estilo dos bancos de carros esportivos. A vantagem é que, independentemente da estatura da pessoa, eles sempre oferecem posição adequada e ótima segurança. No banco traseiro, os apoios de cabeça são reguláveis em altura, o que melhora a ótima visibilidade traseira para o motorista.
 
Direção “easy drive”
 
O sistema de direção eletromecânica “easy drive” é item de série a partir do Move Up. Além do excelente conforto, uma de suas principais vantagens em relação aos sistemas de assistência hidráulica é só demandar energia quando necessário – ou seja, em curvas ou manobras, por exemplo. Isso representa uma redução no consumo de combustível de até 3% quando comparado com um sistema de direção com assistência hidráulica (convencional).
 
O sistema de assistência eletromecânica da direção não utiliza fluido em seu funcionamento, o que é outra vantagem em relação à assistência hidráulica. Além de ser melhor para o meio ambiente, o usuário tem um item a menos com que se preocupar nas manutenções.
 
A assistência varia em função da velocidade do veículo – ou seja, em manobras, o motorista faz menor esforço, enquanto em altas velocidades a direção torna-se mais firme e transmite maior precisão ao motorista. Esse sistema de direção requer 2,9 voltas de batente a batente.
 
O diâmetro de giro do Up é de apenas 9,9 metros, um dos melhores da categoria. Esse número demonstra a praticidade do modelo em uso urbano, necessitando de pouco espaço para manobrar.
 
Outra vantagem é o ajuste de altura da coluna de direção, recurso oferecido em todos os modelos com assistência eletromecânica da direção, que colabora sensivelmente para a boa ergonomia e para a ótima posição de dirigir do novo Up.
 
Sistema de freio
 
Todas as versões do Up são equipadas com um dos mais modernos sistemas ABS da categoria. Isso porque, além de evitar o travamento das rodas em frenagens bruscas, o sistema de freios é composto por outros recursos de segurança, como o EBD (distribuição eletrônica das forças de frenagem) e ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência), herdado dos veículos alemães mais sofisticados do mercado.
 
O sistema EBD distribui eletronicamente as forças de frenagem entre os eixos traseiro e dianteiro, garantindo a estabilidade e a segurança. Já o ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras. Caso o motorista pressione o pedal de freio de forma acentuada, mantendo uma frenagem mais consistente, o sistema aciona as luzes de frenagem de forma intermitente na frequência de 3Hz. Após essa frenagem, com o veículo estático, as luzes de freio param de piscar e o ESS aciona as luzes de pisca-alerta na frequência de 1,25Hz, indicando que o veículo está parado.
 
Há ainda o sistema MSR (Motorschleppmomentregelung ou Controle do Efeito Freio Motor), que evita o escorregamento das rodas em pisos de baixo atrito devido ao efeito do freio-motor. Esse sistema atua quando o motorista libera rapidamente o pedal do acelerador e nas reduções de marcha, aumentando o torque através do controle do acelerador eletrônico.
 
Outro destaque do Novo up! é o GMA (Giermomentaufbauverzögerung ou Controle do Momento de Giro), que diminui a possibilidade de giro do veículo em piso com diferentes níveis de atrito. O sistema também proporciona diferentes forças de frenagem no momento da desaceleração até que a rotação das rodas seja equalizada.
 
O novo up! TSI é equipado em todas as suas versões com o controle de tração M-ABS. O controle de tração tem a função de reduzir o escorregamento das rodas durante a aceleração ou quando o veículo começa a destracionar, em curvas acentuadas, controlando eletronicamente o torque do motor.

Latin NCAP

O Volkswagen Up fabricado no Brasil já foi submetido à dois testes de impacto pelo órgão independente Latin NCAP, sendo que em ambos os testes, o subcompacto da Volkswagen conquistou 5 estrelas para passageiros dianteiros e 4 estrelas para os passageiros traseiros.Em termos de pontuação, porém, o segundo teste foi ainda melhor que o primeiro, já que no teste mais recente o up! 16,03 pontos para adultos - resultado melhor que os 15,86 pontos do teste de janeiro de 2014 (pontuação máxima possível nesse teste = 17 pontos). Já no caso das crianças, o teste de 2015 deu 40 pontos para o up!, superando os 39,54 do de 2014 (pontuação máxima possível = 49 pontos).O vídeo, a partir dos 44 segundos, traz também o teste de impacto do Lifan 320, que acabou sendo reprovado, por obter 0 estrelas na dianteira e 0 estrelas na traseira.

CONHEÇA UMA OFERTA DO VW UP CLIQUE AQUI!

Notícias < Voltar
Volkswagen Up “em corte” revela segredos de sua estrutura

Volkswagen Up “em corte” revela segredos de sua estrutura

Fabricante usa estrutura aparente para destacar qualidades do seu subcompacto Up

12 de Abril de 2017

.

CONHEÇA UMA OFERTA DO VW UP - CLIQUE AQUI!

Com o objetivo de destacar os principais atributos do Up, a Volkswagen preparou uma plataforma com a estrutura aparente da linha do modelo. Produzido em Taubaté (SP), o Up utiliza a plataforma PQ12, uma das mais modernas do mercado brasileiro, e tem uma série de tecnologias e recursos de segurança exclusivos na categoria, que nem sempre estão expostos. A plataforma com seus componentes estruturais expostos permanece funcionando normalmente.
 
O Up comercializado no mercado brasileiro é diferente do modelo vendido na Europa. O modelo nacional mede 3,68 metros de comprimento (ganho de 6,5 centímetros sobre o modelo europeu), 1,64 metro de largura (sem retrovisores) e 1,50 metro de altura (acréscimo de 2 centímetros).
 
Nessas dimensões compactas destacam-se os balanços (distância entre o centro da roda e a extremidade do veículo) dianteiro e traseiro curtos, o que evidencia a versatilidade do modelo. Isso ajuda muito o veículo a evitar problemas em obstáculos como lombadas e valetas.
 
Maior espaço interno da categoria
 
Para um carro compacto, o Up tem grande distância entre-eixos: 2,42 metros, permitindo utilizar de forma inteligente o espaço interno disponível. Para demonstrar na prática que o Up tem o maior espaço interno entre os seus concorrentes diretos, a plataforma com a estrutura aparente está equipada com um manequim tridimensional no banco braseiro. Com 77 kg, o manequim está ajustado com as dimensões relativas ao 50 percentil, ou seja, abrangendo 50% da população mundial (pessoas com até 1,69 metro de altura).
 
O espaço para cabeças na dianteira é de impressionantes 993 milímetros, com 948 milímetros na parte traseira. Os assentos são posicionados em boa altura na frente e atrás; para o motorista e para o passageiro da frente, o chamado ponto “H” – o vértice onde se encontram o assento e o encosto do banco – está a 306 mm de altura; na parte de trás o ponto “H” está aos 378 mm de altura.  Essa posição um pouco mais elevada para os passageiros traseiros lhes proporciona uma melhor visão sobre os ombros do condutor e do passageiro da frente.
 
Outra alteração importante em relação ao Up europeu são as janelas traseiras, cujos vidros podem ser abertos verticalmente, o que garante melhor ventilação do habitáculo. Essa característica também contribui para melhorar a sensação de amplitude no interior. No Up brasileiro os comandos dos vidros elétricos estão posicionados nos apoios de braço, nas portas dianteiras.
 
O tanque de combustível no modelo brasileiro tem capacidade para 50 litros (15 litros a mais que no modelo europeu), o que garante excelente autonomia quando abastecido com gasolina ou com etanol.
 
Seu porta-malas, que tem 285 litros de capacidade, representa ganho de 34 litros sobre o do modelo europeu (251 litros) e o torna um dos maiores da categoria. Com o banco traseiro rebatido, o compartimento atinge volume de 976 litros. Surpreendente para um veículo com essas dimensões.
 
Além disso, o porta-malas recebe (a partir do high Up) o sistema de ajuste variável de espaço “s.a.v.e.” – uma plataforma removível, bastante leve e fácil de utilizar, que altera o tamanho do compartimento e permite acomodar bagagens de tamanhos variados de forma simples e prática.
 
As suspensões dianteira e traseira têm calibração especialmente definida para as ruas e estradas brasileiras e são 20 mm mais elevadas em relação ao Up europeu. Associado ao conjunto de roda e pneu verdes (com baixa resistência ao rolamento em todas as versões) com 612 mm de diâmetro, isso confere maior vão livre em relação ao solo e garante maior robustez em rodagem.
 
Altos níveis de segurança e qualidade
 
A carroceria do Up tem 75% de seu peso composto por aços especiais, que possuem diferentes graus de resistência, conforme a necessidade – trata-se da aplicação do material correto no local certo. Em sua estrutura combinam-se aços de ultra-alta resistência, alta resistência, média resistência e de estampagem profunda. Reforços adicionais, na parte superior da porta, por exemplo, aumentam a segurança passiva – especialmente no caso de acidentes graves.
 
O Up também utiliza aços conformados a quente, que possuem ainda maior resistência e que permitiram reduzir o peso da estrutura do carro. O Up foi o primeiro veículo de seu segmento no Brasil a utilizar esse material e continua a ser o único nesse nicho de mercado com tal tecnologia.
 
Padrões de conforto de classes superiores
 
A estrutura especialmente rígida permite ao Up atingir níveis de conforto de veículos de classes superiores, em termos de acústica e vibração. Ele utiliza um sistema específico, que proporciona uma excelente isolação de ruído e vibração. A maior parte dos componentes é feita de liga de alumínio, sendo os coxins de alumínio-borracha e um de metal-borracha, o que oferece alta resistência e colabora para redução de peso do veículo.
 
O pacote de isolação acústica do Up é aplicado desde o painel frontal até o assoalho traseiro. O vão do motor também recebe isolação acústica no painel frontal.
 
O modelo também tem padrões superiores em sua classe com rigidez torcional estática de 17.800 Nm. Alta rigidez torcional ajuda principalmente no conforto e na dirigibilidade do carro, pois o conjunto não vibra ou oscila.
 
Estrutura inteligente
 
Para proteger os passageiros do Up, a estrutura da carroceria é formada por aços de ultra-alta e de alta resistência nas áreas de alta carga. Reforços adicionais, na parte superior da porta, por exemplo, aumentam a segurança passiva – especialmente no caso de acidentes graves.
 
No caso de uma colisão frontal, um sensor de impacto (early crash sensor) – diretamente atrás da grade frontal – pré-ativa sistemas de retenção antes do impacto real. O que acontece, então, em apenas alguns milissegundos, pré-tensionadores apertam o cinto de segurança, de forma a envolver o condutor e o passageiro da frente o mais cedo possível.
 
Limitadores de força nos cintos reduzem as cargas no peito dos ocupantes. Airbags dianteiros restringem o movimento da parte superior do corpo durante o impacto. A coluna de direção deformável contribui adicionalmente para a segurança, reduzindo ainda mais o risco de ferimentos para o motorista.
 
Sistema ISOFIX, top-tether e alerta para cinto de segurança desatado
 
O Up é equipado de série com sistemas ISOFIX e top-tether para fixação de dispositivos de retenção infantis (cadeirinhas), que reafirmam o modelo Volkswagen como o modelo mais seguro de sua categoria. A plataforma com a estrutura aparente também conta com uma cadeirinha instalada no banco traseiro, ao lado do manequim tridimensional. Preza por meio do sistema ISOFIX, a cadeirinha tem instalação fácil e rápida.
 
Além disso, o indicador de status do cinto de segurança no visor multifunções informa se o condutor e o passageiro do banco dianteiro estão com os cintos de segurança afivelados. Há também um lembrete sonoro de afivelar os cintos de segurança para os assentos dianteiros.
 
No banco traseiro os cintos laterais são retráteis já desde a versão de entrada Take Up, que conta com dois apoios de cabeça. Nas demais versões há três apoios de cabeça para o banco de trás.
 
A utilização do espaço no carro é excepcionalmente boa, por causa de sua distância entre-eixos – uma das maiores no segmento –, combinada ao motor compacto e à própria configuração do conjunto motriz. O motorista e os passageiros dianteiro e traseiros viajam com conforto e segurança em um up!.
 
Os bancos modulares “one shape” servem como a base para uma ampla gama de variantes para versões específicas do Up e oferecem alto índice de conforto de condução. Os apoios de cabeça para o motorista e passageiro da frente são integrados aos assentos – no estilo dos bancos de carros esportivos. A vantagem é que, independentemente da estatura da pessoa, eles sempre oferecem posição adequada e ótima segurança. No banco traseiro, os apoios de cabeça são reguláveis em altura, o que melhora a ótima visibilidade traseira para o motorista.
 
Direção “easy drive”
 
O sistema de direção eletromecânica “easy drive” é item de série a partir do Move Up. Além do excelente conforto, uma de suas principais vantagens em relação aos sistemas de assistência hidráulica é só demandar energia quando necessário – ou seja, em curvas ou manobras, por exemplo. Isso representa uma redução no consumo de combustível de até 3% quando comparado com um sistema de direção com assistência hidráulica (convencional).
 
O sistema de assistência eletromecânica da direção não utiliza fluido em seu funcionamento, o que é outra vantagem em relação à assistência hidráulica. Além de ser melhor para o meio ambiente, o usuário tem um item a menos com que se preocupar nas manutenções.
 
A assistência varia em função da velocidade do veículo – ou seja, em manobras, o motorista faz menor esforço, enquanto em altas velocidades a direção torna-se mais firme e transmite maior precisão ao motorista. Esse sistema de direção requer 2,9 voltas de batente a batente.
 
O diâmetro de giro do Up é de apenas 9,9 metros, um dos melhores da categoria. Esse número demonstra a praticidade do modelo em uso urbano, necessitando de pouco espaço para manobrar.
 
Outra vantagem é o ajuste de altura da coluna de direção, recurso oferecido em todos os modelos com assistência eletromecânica da direção, que colabora sensivelmente para a boa ergonomia e para a ótima posição de dirigir do novo Up.
 
Sistema de freio
 
Todas as versões do Up são equipadas com um dos mais modernos sistemas ABS da categoria. Isso porque, além de evitar o travamento das rodas em frenagens bruscas, o sistema de freios é composto por outros recursos de segurança, como o EBD (distribuição eletrônica das forças de frenagem) e ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência), herdado dos veículos alemães mais sofisticados do mercado.
 
O sistema EBD distribui eletronicamente as forças de frenagem entre os eixos traseiro e dianteiro, garantindo a estabilidade e a segurança. Já o ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras. Caso o motorista pressione o pedal de freio de forma acentuada, mantendo uma frenagem mais consistente, o sistema aciona as luzes de frenagem de forma intermitente na frequência de 3Hz. Após essa frenagem, com o veículo estático, as luzes de freio param de piscar e o ESS aciona as luzes de pisca-alerta na frequência de 1,25Hz, indicando que o veículo está parado.
 
Há ainda o sistema MSR (Motorschleppmomentregelung ou Controle do Efeito Freio Motor), que evita o escorregamento das rodas em pisos de baixo atrito devido ao efeito do freio-motor. Esse sistema atua quando o motorista libera rapidamente o pedal do acelerador e nas reduções de marcha, aumentando o torque através do controle do acelerador eletrônico.
 
Outro destaque do Novo up! é o GMA (Giermomentaufbauverzögerung ou Controle do Momento de Giro), que diminui a possibilidade de giro do veículo em piso com diferentes níveis de atrito. O sistema também proporciona diferentes forças de frenagem no momento da desaceleração até que a rotação das rodas seja equalizada.
 
O novo up! TSI é equipado em todas as suas versões com o controle de tração M-ABS. O controle de tração tem a função de reduzir o escorregamento das rodas durante a aceleração ou quando o veículo começa a destracionar, em curvas acentuadas, controlando eletronicamente o torque do motor.

Latin NCAP

O Volkswagen Up fabricado no Brasil já foi submetido à dois testes de impacto pelo órgão independente Latin NCAP, sendo que em ambos os testes, o subcompacto da Volkswagen conquistou 5 estrelas para passageiros dianteiros e 4 estrelas para os passageiros traseiros.Em termos de pontuação, porém, o segundo teste foi ainda melhor que o primeiro, já que no teste mais recente o up! 16,03 pontos para adultos - resultado melhor que os 15,86 pontos do teste de janeiro de 2014 (pontuação máxima possível nesse teste = 17 pontos). Já no caso das crianças, o teste de 2015 deu 40 pontos para o up!, superando os 39,54 do de 2014 (pontuação máxima possível = 49 pontos).O vídeo, a partir dos 44 segundos, traz também o teste de impacto do Lifan 320, que acabou sendo reprovado, por obter 0 estrelas na dianteira e 0 estrelas na traseira.

CONHEÇA UMA OFERTA DO VW UP CLIQUE AQUI!

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!