Revista Comprecar
Abeifa divulga resultado
Entidade informa retração de 13,4% no primeiro semestre de 2013
11 de Julho de 2014

O resultado dos emplacamentos de veículos auto moto res importados pelas 29 marcas associadas à ABEIFA (Associação Brasileira de Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Auto moto res) no primeiro semestre de 2014 não surpreenderam os dirigentes da entidade, pois seguiram o desempenho que já vinha sendo registrado nos últimos meses.
 
No comparativo com o mês de junho de 2013, os emplacamentos de automóveis e comerciais leves importados pelas associadas à entidade caíram 33,4%. Na comparação com o mês de maio de 2014, quando foram emplacados 7.216 veículos auto moto res, o desempenho de junho foi 12,6% menor, com 6.307 unidades emplacadas.
 
No primeiro semestre de 2014, as associadas à entidade registraram o emplacamento de 46.483 unidades de automóveis e comerciais leves ante os 53.704 registrados no mesmo período de 2013. No mês de junho desse ano, as marcas importadas emplacaram 33,4% veículos a menos do que as 9.463 unidades registradas em junho de 2013.
 
O desempenho segue o que tem ocorrido no setor automotivo e não é um fato isolado do segmento de importados. A produção nacional, por exemplo, caiu 16,8% no primeiro semestre do ano, em comparação ao mesmo período de 2013, e os emplacamentos totais de automóveis e comerciais leves - produzidos no Brasil e importados - somaram 1.582.776 unidades, uma queda de 7,3% no acumulado do ano.
 
As importações totais, que incluem os veículos auto moto res trazidos para o Brasil pelas associadas da Abeifa, pelas montadoras instaladas no país e por importadores independentes, tiveram redução de 9,9% no primeiro semestre de 2014, em comparação ao mesmo período de 2013.
 
A diretoria da ABEIFA reitera que acredita em uma recuperação no segundo semestre, historicamente mais aquecido para o setor automotivo. “Em 2014, temos o adicional do Salão do Automóvel, que representa mais um incentivo para as vendas, pois as marcas concentram seus lançamentos nesse período”, reforça Marcel Visconde.

Notícias < Voltar
 

Abeifa divulga resultado

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Entidade informa retração de 13,4% no primeiro semestre de 2013

11 de Julho de 2014

O resultado dos emplacamentos de veículos auto moto res importados pelas 29 marcas associadas à ABEIFA (Associação Brasileira de Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Auto moto res) no primeiro semestre de 2014 não surpreenderam os dirigentes da entidade, pois seguiram o desempenho que já vinha sendo registrado nos últimos meses.
 
No comparativo com o mês de junho de 2013, os emplacamentos de automóveis e comerciais leves importados pelas associadas à entidade caíram 33,4%. Na comparação com o mês de maio de 2014, quando foram emplacados 7.216 veículos auto moto res, o desempenho de junho foi 12,6% menor, com 6.307 unidades emplacadas.
 
No primeiro semestre de 2014, as associadas à entidade registraram o emplacamento de 46.483 unidades de automóveis e comerciais leves ante os 53.704 registrados no mesmo período de 2013. No mês de junho desse ano, as marcas importadas emplacaram 33,4% veículos a menos do que as 9.463 unidades registradas em junho de 2013.
 
O desempenho segue o que tem ocorrido no setor automotivo e não é um fato isolado do segmento de importados. A produção nacional, por exemplo, caiu 16,8% no primeiro semestre do ano, em comparação ao mesmo período de 2013, e os emplacamentos totais de automóveis e comerciais leves - produzidos no Brasil e importados - somaram 1.582.776 unidades, uma queda de 7,3% no acumulado do ano.
 
As importações totais, que incluem os veículos auto moto res trazidos para o Brasil pelas associadas da Abeifa, pelas montadoras instaladas no país e por importadores independentes, tiveram redução de 9,9% no primeiro semestre de 2014, em comparação ao mesmo período de 2013.
 
A diretoria da ABEIFA reitera que acredita em uma recuperação no segundo semestre, historicamente mais aquecido para o setor automotivo. “Em 2014, temos o adicional do Salão do Automóvel, que representa mais um incentivo para as vendas, pois as marcas concentram seus lançamentos nesse período”, reforça Marcel Visconde.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!