Revista Comprecar
Avaliação: Volkswagen Fox Comfortline 2015
O fiel da balança para a Volkswagen, entre os compactos premium
Avaliação: Volkswagen Fox Comfortline 2015
30 de Abril de 2015

Atualmente a Volkswagen vem atravessando um momento conturbado no mercado brasileiro. Ano passado, a marca registrou uma queda expressiva na participação geral. Esse ano também não esta muito fácil para a marca. Ainda sim, a Volkswagen consegue oferecer bons produtos em sua grade de modelos. Com a continua queda nas vendas do modelo Gol, a aposta da Volkswagen acaba caindo em dois produtos principais. Um deles é o subcompacto Up, que além de ser um produto muito moderno, é incrivelmente eficiente. E o outro, é o já conhecido Fox, que em Agosto de 2014, passou por um face-lift. Ainda que o Fox não seja um modelo completamente novo, ele reúne uma série de interessantes características, inclusive algumas que superam seus concorrentes diretos mais novos. Nessa avaliação, trazemos o Fox Comfortline.
 
Sem medo de errar, podemos dizer que o Fox 2015 (fabricado em São José dos Pinhais -PR) é um veículo atual. Quando ele chegou ao mercado, inaugurou o segmento de compactos com teto elevado (High Roof). Também trouxe uma nova posição para o moto rista (vista entre os compactos) e uma vasta oferta de porta-objetos. E ainda hoje, o carro mantém tais características frente aos seus concorrentes. Assim, a versão Comfortline, equipada com moto r 1,6 litro – 8 válvulas, tem como principais concorrentes o Citroen C3 Tendance; Renault Sandero Expression; Fiat Punto Essence; Ford New Fiesta 1.5 e Peugeot 208 Active.
 
Estilo
 
A história do Fox é interessante. Ele foi o primeiro modelo feito no Brasil desenvolvido no conceito de “dentro para fora”. Também foi o primeiro Volkswagen (no Brasil) a adotar as linhas globais de estilo da marca, em 2009. E na linha 2015, o modelo também foi o primeiro carro nacional da Volkswagen a trazer a evolução do design mundial da marca. Basicamente, o novo Fox tem as linhas do novo Golf. Os faróis estão mais inclinados adotam a assinatura “mais quadrada”. Na traseira, o que mais chama a atenção são as lanternas maiores. O conjunto ótico é duplo e dividido entre a lateral do veículo e a tampa do porta-malas. Centralizado na traseira do carro, o emblema passa a contar com o Easy Trunk. Trata-se de abertura elétrica da tampa traseira pelo logotipo da Volkswagen, como acontece no CC e no Passat. Dessa forma, basta pressionar para frente a parte superior do logo para abrir a tampa do porta-malas.
 
Interior
 
O Fox traz um acabamento interior de qualidade muito boa. O painel conta com uma peça plástica mais lisa. O quadro de instrumentos traz iluminação em LEDs brancos. Outro detalhe que se mostra presente é a ampla oferta de porta-objetos. Um deles merece destaque, pois trata-se de uma gaveta sob o banco do moto rista. Local ideal para guardar uma bolsa, ou uma carteira grande ou ainda equipamentos eletrônicos de tamanho médio, que não ficam a vista. Outros detalhes interessantes são os enormes porta-latas nas portas dianteiras que acomodam garrafas PET de até 1,5 litro.
 
O moto rista é amplamente beneficiado com uma das melhores posições ao dirigir da categoria. Graças ao teto alto, o Fox permite uma postura mais erata. Além disso, o modelo inclui ajuste de altura milimétrico do banco, além de coluna de direção com ajuste de altura e profundidade.
 
Para facilitar ainda mais a vida do usuário, o Fox pode contar com o sistema "ARS". Trata-se do  banco traseiro rebatível e corrediço (encosto e assento). Assim, o espaço no porta-malas que originalmente é de 270 litros, pode ser consideravelmente ampliado, puxando todo o conjunto do banco para frente. Dessa forma, o Fox tem o espaço traseiro mais versátil de toda a categoria. O usuário pode escolher entre mais conforto para as pernas dos passageiros de trás, ou mais espaço para bagagens. E com o Fox também tem o teto mais alto de toda categoria, o espaço no banco traseiro é realmente muito bom, quando comparado com os concorretes.
 
Motor 1,6 litro – 8 válvulas
 
O Fox Comfortline sai equipado com o já conhecido moto r 1.6 litro - 8 válvulas. Ele chega a potência máxima de 104 cavalos no etano e 101 cavalos na gasolina (atingidos à 5.250 rpm). Essa potência esta dentro da média da categoria. Mas a parte interessante é o torque líquido máximo de 15,6kgfm no etanol (ou 15,4kgfm na gasoliona). O fato relevante é que o Fox tem o torque máximo entregue a apenas 2.500 rpm. todos os demais concorrentes, o troque máximo aparece sempre em rotações maiores. Assim, o Fox acaba sendo bastante ágil no trânsito da cidade.
 
Desempenho
 
Associado ao câmbio manual de cinco marchas, o Fox tem aceleração de 0 a 100 km/h em 10,6s (E) / 10,9s (G). Já a velocidade máxima é de 183 km/h (E) / 181 km/h (G), respectivamente. Vale destacar que o Fox também tem o câmbio com os engates mais precisos de toda a categoria.
 
O senão do Fox fica por conta da baixa performance no quesito economia. O modelo recebe letra “D” do INMETRO, em sua categoria de compactos. Assim o ciclo de consumo com etanol é de 7,3 e 8,2 km/l com etanol e 10,3 e 11,7 km/l na gasolina, sendo o consumo cidade e estrada, respectivamente. Veja tabela completa aqui.
 
Equipamentos
 
A versão Comfortline já traz uma boa gama de equipamentos de série. Para começar, toda a linha 2015 do Fox traz sistema de direção com assistência elétrica. A principal vantagem em relação aos sistemas de assistência hidráulica o fato de só demandar energia quando necessário. Somente quando o volante é virado, o sistema atua usando energia elétrica para auxiliar o movimento. Isso economiza combustível, e não rouba potência do moto r.
 
Essa versão traz chave canivete, sistema de som (RCD 320G), pacote elétrico completo (vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico e regulagem elétrica dos espelhos retrovisores laterais), espelhos retrovisores com luz indicadora de direção integrada e computador de bordo. Também faz parte farol auxiliar, iluminação no porta-malas, porta-luvas e no para-sol (dos dois lados e com espelhos), capas dos espelhos retrovisores, maçanetas e frisos laterais pintados na cor da carroceria e rodas com calotas de aro 15 polegadas.
 
Uma das novidades na linha 2015 são as “luzes de curva” ou “cornering lights”. Disponível a partir da Comfortline 1.6, esse sistema aciona apenas o farol de neblina, do lado que o carro esta fazendo a curva à noite.
 
Entre os opcionais estão controlador de velocidade de cruzeiro, e os sensores de aproximação de obstáculos traseiros e dianteiros (item exclusivo no segmento). Outro opcional é o teto solar. Na oferta de opcionais existe ainda o pacote “Urban”, englobando: ar-condicionado, I-System, alarme “keyless” com controle re moto na chave, rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de aproximação de obstáculos traseiros e dianteiros, banco traseiro corrediço com 3 apoios de cabeça, tapetes e volante multifuncional revestido de couro. Ainda no pacote de opcionais estão disponíveis o controle automático de velocidade; espelho retrovisor interno eletrocrômico; faróis com função "Coming & Leaving home" e os sensores de chuva e crepuscular. A central multimedia com GPS só esta disponível como opcional na versão Highline.
 
Diferente da maioria dos concorrentes que trazem computadores de bordo bem básicos, quando equipado com o I-System, o Fox tem o melhor sistema de computador de bordo de toda a categoria. Isso porque o I-System também controla funções do sistema de áudio e permite configurar funções de conforto do carro. Tudo através de botões instalados na frente do volante, e tendo as informações exibidas numa tela gráfica no centro do painel.
 
Preço
 
Com garantia de 3 anos, o Fox Confortline parte de R$ 44,3 mil com o câmbio manual de cinco marchas e moto r 1,6 litro. Com todos os opcionais sobe para R$ 55,3 mil. Outro detalhe importante, é que o Fox tem um dos melhores índices do Brasil, na avaliação do Cesvi. Veja a tabela aqui.

Isso significa que o Fox tem um dos menores valores na hora de efetuar um reparo, após um acidente.
 
Assim, a única coisa que realmente falta para o Fox ser um campeão absoluto de vendas, é a Volkswagen mudar um pouco a política de comercialização do carro, incluindo mais equipamentos de série (até o ar-condicionado é opcional) e oferecer um preço ligeiramente mais convidativo.

Avaliações < Voltar
Avaliação: Volkswagen Fox Comfortline 2015
 

Avaliação: Volkswagen Fox Comfortline 2015

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

O fiel da balança para a Volkswagen, entre os compactos premium

30 de Abril de 2015

Atualmente a Volkswagen vem atravessando um momento conturbado no mercado brasileiro. Ano passado, a marca registrou uma queda expressiva na participação geral. Esse ano também não esta muito fácil para a marca. Ainda sim, a Volkswagen consegue oferecer bons produtos em sua grade de modelos. Com a continua queda nas vendas do modelo Gol, a aposta da Volkswagen acaba caindo em dois produtos principais. Um deles é o subcompacto Up, que além de ser um produto muito moderno, é incrivelmente eficiente. E o outro, é o já conhecido Fox, que em Agosto de 2014, passou por um face-lift. Ainda que o Fox não seja um modelo completamente novo, ele reúne uma série de interessantes características, inclusive algumas que superam seus concorrentes diretos mais novos. Nessa avaliação, trazemos o Fox Comfortline.
 
Sem medo de errar, podemos dizer que o Fox 2015 (fabricado em São José dos Pinhais -PR) é um veículo atual. Quando ele chegou ao mercado, inaugurou o segmento de compactos com teto elevado (High Roof). Também trouxe uma nova posição para o moto rista (vista entre os compactos) e uma vasta oferta de porta-objetos. E ainda hoje, o carro mantém tais características frente aos seus concorrentes. Assim, a versão Comfortline, equipada com moto r 1,6 litro – 8 válvulas, tem como principais concorrentes o Citroen C3 Tendance; Renault Sandero Expression; Fiat Punto Essence; Ford New Fiesta 1.5 e Peugeot 208 Active.
 
Estilo
 
A história do Fox é interessante. Ele foi o primeiro modelo feito no Brasil desenvolvido no conceito de “dentro para fora”. Também foi o primeiro Volkswagen (no Brasil) a adotar as linhas globais de estilo da marca, em 2009. E na linha 2015, o modelo também foi o primeiro carro nacional da Volkswagen a trazer a evolução do design mundial da marca. Basicamente, o novo Fox tem as linhas do novo Golf. Os faróis estão mais inclinados adotam a assinatura “mais quadrada”. Na traseira, o que mais chama a atenção são as lanternas maiores. O conjunto ótico é duplo e dividido entre a lateral do veículo e a tampa do porta-malas. Centralizado na traseira do carro, o emblema passa a contar com o Easy Trunk. Trata-se de abertura elétrica da tampa traseira pelo logotipo da Volkswagen, como acontece no CC e no Passat. Dessa forma, basta pressionar para frente a parte superior do logo para abrir a tampa do porta-malas.
 
Interior
 
O Fox traz um acabamento interior de qualidade muito boa. O painel conta com uma peça plástica mais lisa. O quadro de instrumentos traz iluminação em LEDs brancos. Outro detalhe que se mostra presente é a ampla oferta de porta-objetos. Um deles merece destaque, pois trata-se de uma gaveta sob o banco do moto rista. Local ideal para guardar uma bolsa, ou uma carteira grande ou ainda equipamentos eletrônicos de tamanho médio, que não ficam a vista. Outros detalhes interessantes são os enormes porta-latas nas portas dianteiras que acomodam garrafas PET de até 1,5 litro.
 
O moto rista é amplamente beneficiado com uma das melhores posições ao dirigir da categoria. Graças ao teto alto, o Fox permite uma postura mais erata. Além disso, o modelo inclui ajuste de altura milimétrico do banco, além de coluna de direção com ajuste de altura e profundidade.
 
Para facilitar ainda mais a vida do usuário, o Fox pode contar com o sistema "ARS". Trata-se do  banco traseiro rebatível e corrediço (encosto e assento). Assim, o espaço no porta-malas que originalmente é de 270 litros, pode ser consideravelmente ampliado, puxando todo o conjunto do banco para frente. Dessa forma, o Fox tem o espaço traseiro mais versátil de toda a categoria. O usuário pode escolher entre mais conforto para as pernas dos passageiros de trás, ou mais espaço para bagagens. E com o Fox também tem o teto mais alto de toda categoria, o espaço no banco traseiro é realmente muito bom, quando comparado com os concorretes.
 
Motor 1,6 litro – 8 válvulas
 
O Fox Comfortline sai equipado com o já conhecido moto r 1.6 litro - 8 válvulas. Ele chega a potência máxima de 104 cavalos no etano e 101 cavalos na gasolina (atingidos à 5.250 rpm). Essa potência esta dentro da média da categoria. Mas a parte interessante é o torque líquido máximo de 15,6kgfm no etanol (ou 15,4kgfm na gasoliona). O fato relevante é que o Fox tem o torque máximo entregue a apenas 2.500 rpm. todos os demais concorrentes, o troque máximo aparece sempre em rotações maiores. Assim, o Fox acaba sendo bastante ágil no trânsito da cidade.
 
Desempenho
 
Associado ao câmbio manual de cinco marchas, o Fox tem aceleração de 0 a 100 km/h em 10,6s (E) / 10,9s (G). Já a velocidade máxima é de 183 km/h (E) / 181 km/h (G), respectivamente. Vale destacar que o Fox também tem o câmbio com os engates mais precisos de toda a categoria.
 
O senão do Fox fica por conta da baixa performance no quesito economia. O modelo recebe letra “D” do INMETRO, em sua categoria de compactos. Assim o ciclo de consumo com etanol é de 7,3 e 8,2 km/l com etanol e 10,3 e 11,7 km/l na gasolina, sendo o consumo cidade e estrada, respectivamente. Veja tabela completa aqui.
 
Equipamentos
 
A versão Comfortline já traz uma boa gama de equipamentos de série. Para começar, toda a linha 2015 do Fox traz sistema de direção com assistência elétrica. A principal vantagem em relação aos sistemas de assistência hidráulica o fato de só demandar energia quando necessário. Somente quando o volante é virado, o sistema atua usando energia elétrica para auxiliar o movimento. Isso economiza combustível, e não rouba potência do moto r.
 
Essa versão traz chave canivete, sistema de som (RCD 320G), pacote elétrico completo (vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico e regulagem elétrica dos espelhos retrovisores laterais), espelhos retrovisores com luz indicadora de direção integrada e computador de bordo. Também faz parte farol auxiliar, iluminação no porta-malas, porta-luvas e no para-sol (dos dois lados e com espelhos), capas dos espelhos retrovisores, maçanetas e frisos laterais pintados na cor da carroceria e rodas com calotas de aro 15 polegadas.
 
Uma das novidades na linha 2015 são as “luzes de curva” ou “cornering lights”. Disponível a partir da Comfortline 1.6, esse sistema aciona apenas o farol de neblina, do lado que o carro esta fazendo a curva à noite.
 
Entre os opcionais estão controlador de velocidade de cruzeiro, e os sensores de aproximação de obstáculos traseiros e dianteiros (item exclusivo no segmento). Outro opcional é o teto solar. Na oferta de opcionais existe ainda o pacote “Urban”, englobando: ar-condicionado, I-System, alarme “keyless” com controle re moto na chave, rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de aproximação de obstáculos traseiros e dianteiros, banco traseiro corrediço com 3 apoios de cabeça, tapetes e volante multifuncional revestido de couro. Ainda no pacote de opcionais estão disponíveis o controle automático de velocidade; espelho retrovisor interno eletrocrômico; faróis com função "Coming & Leaving home" e os sensores de chuva e crepuscular. A central multimedia com GPS só esta disponível como opcional na versão Highline.
 
Diferente da maioria dos concorrentes que trazem computadores de bordo bem básicos, quando equipado com o I-System, o Fox tem o melhor sistema de computador de bordo de toda a categoria. Isso porque o I-System também controla funções do sistema de áudio e permite configurar funções de conforto do carro. Tudo através de botões instalados na frente do volante, e tendo as informações exibidas numa tela gráfica no centro do painel.
 
Preço
 
Com garantia de 3 anos, o Fox Confortline parte de R$ 44,3 mil com o câmbio manual de cinco marchas e moto r 1,6 litro. Com todos os opcionais sobe para R$ 55,3 mil. Outro detalhe importante, é que o Fox tem um dos melhores índices do Brasil, na avaliação do Cesvi. Veja a tabela aqui.

Isso significa que o Fox tem um dos menores valores na hora de efetuar um reparo, após um acidente.
 
Assim, a única coisa que realmente falta para o Fox ser um campeão absoluto de vendas, é a Volkswagen mudar um pouco a política de comercialização do carro, incluindo mais equipamentos de série (até o ar-condicionado é opcional) e oferecer um preço ligeiramente mais convidativo.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!