Revista Comprecar
Em 2014, Audi do Brasil registra recorde histórico
Na comparação com 2013, aumento nas vendas foi de mais de 86%
Em 2014, Audi do Brasil registra recorde histórico
15 de Janeiro de 2015

A Audi do Brasil bate recorde histórico de vendas em 2014, com 12.488 unidades emplacadas, volume 86,6% maior do que o registrado em 2013. O resultado é superior ao alcançado em 2001, até então o melhor ano da montadora alemã no país, quando grande parte dos carros comercializados no mercado brasileiro era de fabricação nacional.

A Audi alcançou no Brasil a maior expansão em vendas entre todos os mercados em que atua, e os resultados no país levaram a marca a conquistar a segunda colocação no ranking local de veículos premium. Na comparação com 2013, a empresa aumentou sua participação no segmento em quase 10%.

“Foi um período recorde para Audi. Praticamente dobramos as vendas ante 2013 e fechamos o ano como a marca que mais evolui no mercado premium, impulsionando o crescimento deste segmento no país. Vamos continuar investindo para chegar à nossa meta de 30 mil veículos comercializados no Brasil até 2020, colocando o país entre os 10 principais mercados para a montadora”, destaca  Jörg Hofmann, CEO da Audi no Brasil.

De acordo com o CEO, o crescimento alcançado no ano passado foi impulsionado por diversos investimentos realizados pela empresa. “Traçamos uma estratégia para suportar o crescimento sustentável da Audi no Brasil, com o lançamento do modelo A3 Sedan, a abertura de 13 novas revendas, criação do Centro Nacional de Treinamento, voltado para capacitação de técnicos e força de vendas com o intuito de aprimorar, cada vez mais, o serviço prestado pelas  concessionárias, além de dobrarmos a capacidade de armazenagem do Centro de Distribuição”, ressalta.

As novas revendas foram abertas em mercados importantes, em diversos estados, como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Sergipe, Mato Grosso, Piauí, entre outros. Hoje, a Audi contabiliza 40 lojas no Brasil, número 48% superior a 2013. “Continuaremos a investir na ampliação da rede e deveremos alcançar 70 pontos nos próximos dois anos”, ressalta Jörg Hofmann.

A empresa também trouxe ao mercado brasileiro novos produtos, incluindo o A3 Sedan, que registrou vendas expressivas em 2014. O carro será fabricado nacionalmente a partir do segundo semestre deste ano, quando a Audi inaugura sua primeira planta no país, no Paraná, com aportes de  R$ 500 milhões.
 
Para 2015, a marca dará continuidade aos investimentos que vem realizando no Brasil, com a abertura  de 10 concessionárias e lançamentos de novos modelos, como o TT, carro icônico da marca, e as novas versões do A6, A7 e Q3. “Os investimentos em diversas frentes darão sustentação ao nosso crescimento no mercado e a nossa meta é chegar a 15 mil veículos comercializados neste ano”, finaliza o CEO da Audi Brasil.

Notícias < Voltar
Em 2014, Audi do Brasil registra recorde histórico
 

Em 2014, Audi do Brasil registra recorde histórico

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Na comparação com 2013, aumento nas vendas foi de mais de 86%

15 de Janeiro de 2015

A Audi do Brasil bate recorde histórico de vendas em 2014, com 12.488 unidades emplacadas, volume 86,6% maior do que o registrado em 2013. O resultado é superior ao alcançado em 2001, até então o melhor ano da montadora alemã no país, quando grande parte dos carros comercializados no mercado brasileiro era de fabricação nacional.

A Audi alcançou no Brasil a maior expansão em vendas entre todos os mercados em que atua, e os resultados no país levaram a marca a conquistar a segunda colocação no ranking local de veículos premium. Na comparação com 2013, a empresa aumentou sua participação no segmento em quase 10%.

“Foi um período recorde para Audi. Praticamente dobramos as vendas ante 2013 e fechamos o ano como a marca que mais evolui no mercado premium, impulsionando o crescimento deste segmento no país. Vamos continuar investindo para chegar à nossa meta de 30 mil veículos comercializados no Brasil até 2020, colocando o país entre os 10 principais mercados para a montadora”, destaca  Jörg Hofmann, CEO da Audi no Brasil.

De acordo com o CEO, o crescimento alcançado no ano passado foi impulsionado por diversos investimentos realizados pela empresa. “Traçamos uma estratégia para suportar o crescimento sustentável da Audi no Brasil, com o lançamento do modelo A3 Sedan, a abertura de 13 novas revendas, criação do Centro Nacional de Treinamento, voltado para capacitação de técnicos e força de vendas com o intuito de aprimorar, cada vez mais, o serviço prestado pelas  concessionárias, além de dobrarmos a capacidade de armazenagem do Centro de Distribuição”, ressalta.

As novas revendas foram abertas em mercados importantes, em diversos estados, como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Sergipe, Mato Grosso, Piauí, entre outros. Hoje, a Audi contabiliza 40 lojas no Brasil, número 48% superior a 2013. “Continuaremos a investir na ampliação da rede e deveremos alcançar 70 pontos nos próximos dois anos”, ressalta Jörg Hofmann.

A empresa também trouxe ao mercado brasileiro novos produtos, incluindo o A3 Sedan, que registrou vendas expressivas em 2014. O carro será fabricado nacionalmente a partir do segundo semestre deste ano, quando a Audi inaugura sua primeira planta no país, no Paraná, com aportes de  R$ 500 milhões.
 
Para 2015, a marca dará continuidade aos investimentos que vem realizando no Brasil, com a abertura  de 10 concessionárias e lançamentos de novos modelos, como o TT, carro icônico da marca, e as novas versões do A6, A7 e Q3. “Os investimentos em diversas frentes darão sustentação ao nosso crescimento no mercado e a nossa meta é chegar a 15 mil veículos comercializados neste ano”, finaliza o CEO da Audi Brasil.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!