Revista Comprecar
Jeep bate recorde no mundo, mas recua no Brasil
Vendas mundiais da Jeep aumentaram 39% em 2014
Jeep bate recorde no mundo, mas recua no Brasil
08 de Janeiro de 2015

A marca Jeep registrou a venda de mais de 1 milhão de unidades ao redor do mundo em 2014, marcando um recorde histórico pelo terceiro ano consecutivo. O volume de 1.017.019 veículos emplacados foi 39% superior ao de 2013 (731.565 unidades).
 
Além da alta global de 39%, as vendas nos Estados Unidos cresceram 41%, somando um recorde de 692.348 exemplares. Na Europa, o aumento foi de 40%, e na região Ásia-Pacífico, de 42%. Na China – o maior mercado automobilístico mundial – as vendas subiram 49%.
 
Globalmente, a venda dos veículos da Jeep foram lideradas pelo Grand Cherokee (279.567), seguido por Cherokee (236.289), Wrangler (234.579), Compass (134.629) e Patriot (122.387).
 
Já no Brasil foi bem diferente. Foram de 3.589 unidades em 2013, reduzindo para 3.312 em 2014. Ou seja, uma queda de 8,3%. Segundo a marca, foram dois motivos: primeiro a redução do mercado de automóveis e comerciais leves,próxima de 7%. E a segunda foi o fato do Cherokee ter ficado fora do mercado de janeiro a setembro (quando chegou a nova geração). Em 2013, ele havia sido o modelo mais vendido da Jeep no país. O desempenho bom em 2014 do Grand Cherokee, que quase dobrou as vendas sobre o ano anterior, complementou a ausência do Cherokee. Segundo o fabricante, esse modelo reassumiu a liderança do segmento de SUVs grandes de luxo.
 
A Jeep é a marca global do Chrysler Group, representando cerca de 75% de todas as vendas do grupo, fora da América do Norte.

Notícias < Voltar
Jeep bate recorde no mundo, mas recua no Brasil
 

Jeep bate recorde no mundo, mas recua no Brasil

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Vendas mundiais da Jeep aumentaram 39% em 2014

08 de Janeiro de 2015

A marca Jeep registrou a venda de mais de 1 milhão de unidades ao redor do mundo em 2014, marcando um recorde histórico pelo terceiro ano consecutivo. O volume de 1.017.019 veículos emplacados foi 39% superior ao de 2013 (731.565 unidades).
 
Além da alta global de 39%, as vendas nos Estados Unidos cresceram 41%, somando um recorde de 692.348 exemplares. Na Europa, o aumento foi de 40%, e na região Ásia-Pacífico, de 42%. Na China – o maior mercado automobilístico mundial – as vendas subiram 49%.
 
Globalmente, a venda dos veículos da Jeep foram lideradas pelo Grand Cherokee (279.567), seguido por Cherokee (236.289), Wrangler (234.579), Compass (134.629) e Patriot (122.387).
 
Já no Brasil foi bem diferente. Foram de 3.589 unidades em 2013, reduzindo para 3.312 em 2014. Ou seja, uma queda de 8,3%. Segundo a marca, foram dois motivos: primeiro a redução do mercado de automóveis e comerciais leves,próxima de 7%. E a segunda foi o fato do Cherokee ter ficado fora do mercado de janeiro a setembro (quando chegou a nova geração). Em 2013, ele havia sido o modelo mais vendido da Jeep no país. O desempenho bom em 2014 do Grand Cherokee, que quase dobrou as vendas sobre o ano anterior, complementou a ausência do Cherokee. Segundo o fabricante, esse modelo reassumiu a liderança do segmento de SUVs grandes de luxo.
 
A Jeep é a marca global do Chrysler Group, representando cerca de 75% de todas as vendas do grupo, fora da América do Norte.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!