Revista Comprecar
Mercedes-Benz mostra como será sua nova picape
A Classe X estará no mercado no final de 2017, primeiro na Europa
Mercedes-Benz mostra como será sua nova picape
27 de Outubro de 2016

A Mercedes apresentou o Concept X-CLASS, um conceito concreto de sua nova picape: a Classe X. A marca apresentou duas variantes, o Concept X-CLASS powerful adventurer voltado para o trabalho e off-road pesado, e Concept X-CLASS stylish explorer com vocação de picape urbana.
 
Ela será lançada no mercado no final de 2017 sob o nome Mercedes-Benz Classe X. Os principais mercados são Argentina, Brasil, África do Sul, Austrália e Europa.
 
As picapes são cada vez mais apreciadas como veículo versátil e simultaneamente usado na vida pessoal e profissional, ou simplesmente para uso particular. A porcentagem de picapes utilizadas no cotidiano tem crescido constantemente nos últimos anos. Do mesmo modo, também a cabine dupla tem sido o modelo de carroceria dominante, pois oferece lugar para até cinco pessoas. Os clientes, assim como empresas, procuram cada vez mais veículos com características típicas dos automóveis de passeio com acabamento mais confortável. O mesmo tipo de desenvolvimento também ocorreu há cerca de 20 anos no segmento dos veículos off-road. Na época, a Mercedes-Benz foi a primeira fabricante premium a lançar no mercado um SUV com o Classe M. Agora adota uma estratégia parecida com a Classe X.
 
O Classe X, terá variadas combinações de equipamentos para personalização do exterior e do interior. Além disso, a marca está desenvolvendo um programa próprio de acessórios para a picape como, por exemplo, coberturas para caçamba e diversos elementos de estilização. Graças à comprovada estratégia modular, o interior apresenta inúmeros componentes conhecidos e apreciados pelos clientes do Classe C e Classe V, como o sistema de infotainment e os assentos.
 
O modelo topo de linha terá um moto r diesel V6 conjugado com uma tração permanente nas quatro rodas 4MATIC. O sistema de tração total combina um sistema de tração eletrônico, uma caixa de transferência com redução para o fora de estrada e dois bloqueios de diferencial. Sob condições off-road extremas, o diferencial das rodas traseiras e o diferencial longitudinal podem ser bloqueados. Deste modo é possível transpor obstáculos difíceis e subidas íngremes com segurança. Além disso a picape terá uma carga útil superior a 1,1 tonelada e uma força de tração de até 3,5 toneladas.
 
 
Atualmente, o maior mercado para picapes médias é a Austrália, onde representam 14,1% da frota de veículos do país, seguida pela Argentina com 11,6%. No restante dos mercados cerca de um em cada oito dos veículos licenciados é uma picape na classe de uma tonelada. No Brasil, a porcentagem de picapes médias em todo o mercado automotivo é de quase 5%. Na Alemanha é 0,5%, no Reino Unido 1,3%, na Turquia 1,4% e na Rússia 0,8%.
 
Parceria de produção com a Renault-Nissan
 
O lançamento do Mercedes-Benz Classe X no mercado será no final de 2017, na Europa. Em termos de preço, o modelo será competitivo dentro do segmento. A picape será fabricada por meio de uma parceria de produção com a Renault-Nissan. A produção para o mercado europeu, australiano e sul-africano começa em 2017 na fábrica da Nissan, em Barcelona, Espanha. O Classe X para o mercado latino-americano (inclusive para o Brasil) sairá da linha de montagem da fábrica da Renault em Córdoba, Argentina, a partir de 2018.
 
Com o Classe X a Daimler AG e a Renault-Nissan estão ampliando sua cooperação estratégica existente há seis anos. Isso permite à Mercedes-Benz alcançar uma estreia rápida e com eficiência de custos no segmento das picapes médias, um segmento que apresenta forte crescimento. Além disso, ambas as empresas se beneficiam da utilização ideal da capacidade de produção. A Nissan é a fabricante nº 2 do mundo no segmento de picapes médias com capacidade para uma tonelada de carga e tem mais de 80 anos de experiência na produção e venda deste veículo.

Notícias < Voltar
Mercedes-Benz mostra como será sua nova picape
 

Mercedes-Benz mostra como será sua nova picape

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

A Classe X estará no mercado no final de 2017, primeiro na Europa

27 de Outubro de 2016

A Mercedes apresentou o Concept X-CLASS, um conceito concreto de sua nova picape: a Classe X. A marca apresentou duas variantes, o Concept X-CLASS powerful adventurer voltado para o trabalho e off-road pesado, e Concept X-CLASS stylish explorer com vocação de picape urbana.
 
Ela será lançada no mercado no final de 2017 sob o nome Mercedes-Benz Classe X. Os principais mercados são Argentina, Brasil, África do Sul, Austrália e Europa.
 
As picapes são cada vez mais apreciadas como veículo versátil e simultaneamente usado na vida pessoal e profissional, ou simplesmente para uso particular. A porcentagem de picapes utilizadas no cotidiano tem crescido constantemente nos últimos anos. Do mesmo modo, também a cabine dupla tem sido o modelo de carroceria dominante, pois oferece lugar para até cinco pessoas. Os clientes, assim como empresas, procuram cada vez mais veículos com características típicas dos automóveis de passeio com acabamento mais confortável. O mesmo tipo de desenvolvimento também ocorreu há cerca de 20 anos no segmento dos veículos off-road. Na época, a Mercedes-Benz foi a primeira fabricante premium a lançar no mercado um SUV com o Classe M. Agora adota uma estratégia parecida com a Classe X.
 
O Classe X, terá variadas combinações de equipamentos para personalização do exterior e do interior. Além disso, a marca está desenvolvendo um programa próprio de acessórios para a picape como, por exemplo, coberturas para caçamba e diversos elementos de estilização. Graças à comprovada estratégia modular, o interior apresenta inúmeros componentes conhecidos e apreciados pelos clientes do Classe C e Classe V, como o sistema de infotainment e os assentos.
 
O modelo topo de linha terá um moto r diesel V6 conjugado com uma tração permanente nas quatro rodas 4MATIC. O sistema de tração total combina um sistema de tração eletrônico, uma caixa de transferência com redução para o fora de estrada e dois bloqueios de diferencial. Sob condições off-road extremas, o diferencial das rodas traseiras e o diferencial longitudinal podem ser bloqueados. Deste modo é possível transpor obstáculos difíceis e subidas íngremes com segurança. Além disso a picape terá uma carga útil superior a 1,1 tonelada e uma força de tração de até 3,5 toneladas.
 
 
Atualmente, o maior mercado para picapes médias é a Austrália, onde representam 14,1% da frota de veículos do país, seguida pela Argentina com 11,6%. No restante dos mercados cerca de um em cada oito dos veículos licenciados é uma picape na classe de uma tonelada. No Brasil, a porcentagem de picapes médias em todo o mercado automotivo é de quase 5%. Na Alemanha é 0,5%, no Reino Unido 1,3%, na Turquia 1,4% e na Rússia 0,8%.
 
Parceria de produção com a Renault-Nissan
 
O lançamento do Mercedes-Benz Classe X no mercado será no final de 2017, na Europa. Em termos de preço, o modelo será competitivo dentro do segmento. A picape será fabricada por meio de uma parceria de produção com a Renault-Nissan. A produção para o mercado europeu, australiano e sul-africano começa em 2017 na fábrica da Nissan, em Barcelona, Espanha. O Classe X para o mercado latino-americano (inclusive para o Brasil) sairá da linha de montagem da fábrica da Renault em Córdoba, Argentina, a partir de 2018.
 
Com o Classe X a Daimler AG e a Renault-Nissan estão ampliando sua cooperação estratégica existente há seis anos. Isso permite à Mercedes-Benz alcançar uma estreia rápida e com eficiência de custos no segmento das picapes médias, um segmento que apresenta forte crescimento. Além disso, ambas as empresas se beneficiam da utilização ideal da capacidade de produção. A Nissan é a fabricante nº 2 do mundo no segmento de picapes médias com capacidade para uma tonelada de carga e tem mais de 80 anos de experiência na produção e venda deste veículo.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!