Revista Comprecar
Porsche reinventa o novo Panamera
Com um desenvolvimento completamente novo, modelo volta ao destaque entre os sedans de luxo
Porsche reinventa o novo Panamera
30 de Junho de 2016

O novo Porsche Panamera acaba de ser apresentado. Ele reúne, mais do que nunca, duas características contrastantes: o desempenho de um modelo esportivo e o conforto de um sedan de alto luxo. Trata-se de um legítimo “Gran Turismo”, repensado e realinhado.
 
Assim, a segunda geração do Panamera avança para se tornar um ícone de performance na categoria luxo. Nessa transformação, a Porsche incrementou o conceito do Panamera, apresentando um modelo de quatro portas, redesenvolvido e reprojetado até o último detalhe.
 
Os moto res e transmissões foram reprojetados, o chassifoi  aperfeiçoado e o conceito de display e controles alinhados com uma visão de futuro. O novo Panamera também amplia a fronteira entre o mundo dos carros esportivos mais expressivos, e o mundo dos confortáveis carros de passeio.
 
Visualmente, o conceito deste grande Porsche se reflete no novo design. A típica "flyline" da Porsche cria uma ligação estilística com o ícone de design da marca, o Porsche 911.
 
O interior típico da Porsche foi reinterpretado para o futuro. Painéis com superfícies negras e displays interativos combinam uma interface limpa e intuitiva semelhante à dos smartphones e tablets. Os clássicos comandos por interruptores e instrumentos convencionais foram significativamente reduzidos. Eles foram substituídos por painéis sensíveis ao toque e mostradores individualmente configuráveis que assumem o centro do novo Porsche Advanced Cockpit. Esse conceito de cockpit transforma o mundo analógico na atualidade digital da mobilidade. O conta-giros, posicionado ao centro do conjunto de instrumentos, é um tributo ao Porsche 356 A de 1955.
 
O moto rista e o passageiro podem configurar individualmente os displays do carro. Eles estão integrados ao PCM: recursos como a navegação online, as funções online do Porsche Connect, a integração de smartfones pelo Apple Car Play e um novo sistema de controle por voz que responde a comandos em linguagem normal. A área do PCM  se integra com o painel do console central com um seletor eletrônico que comanda o câmbio PDK. Um novo painel de controle com comandos sensíveis ao toque no console central permite a operação de várias funções. Até mesmo as persianas da saída de ar central são ajustadas eletricamente, por comandos deslizantes sensíveis ao toque.
 
Os passageiros de trás podem controlar o ar condicionado e as funções de informação e entretenimento utilizando um sistema opcional de operação opcional de quatro zonas da climatização.
 
Além disso, o Porsche Panamera oferece a melhor variação disponível em qualquer modelo da classe luxo, facilitando o uso cotidiano com a divisão 40:20:40 do encosto do banco traseiro, que permite aumentar a capacidade do compartimento de bagagem de 495 para 1.304 litros. Há novas opções de equipamentos, como o teto inclinável panorâmico, bancos com massagem, iluminação ambiente e um sistema de som 3D de vanguarda da Burmester.
 
Novos moto res biturbo
 
Os moto res da segunda geração do Panamera foram reprojetados. Todos eles ficaram mais potentes, ao mesmo tempo que melhorando significativamente a economia de combustível e reduzindo emissões.
 
Três novos moto res biturbo com injeção direta estão sendo apresentados no lançamento ao mercado, no Panamera Turbo e Panamera 4S. Todos eles podem ser equipados com um sistema de tração integral permanente e uma nova transmissão Porsche de oito marchas com dupla embreagem (PDK). Um moto r V8 a gasolina com 550 cv impulsiona o Panamera Turbo e um V6 a gasolina com 440 cv movimenta o Panamera 4S.
 
Os turbocompressores dos novos moto res do Panamera são instalados no centro do V formado pelas bancadas de cilindros. Este posicionamento central dos turbos leva a vários benefícios: os moto res são mais compactos, o que permite uma montagem mais baixa. Isto, por sua vez, tem um efeito positivo no centro de gravidade do veículo. As menores distâncias entre os dois turbocompressores e as câmaras de combustão produzem uma resposta ao acelerador mais espontânea.
 
A resposta do moto r pode ser aumentada ainda mais utilizando o Seletor de Modos opcional com o botão Sport Response (resposta esportiva). O Mode Switch, que foi apresentado pela primeira vez no Porsche 918 Spyder, é um anel com operação intuitiva localizado no volante, que pode ser usado para ativar um dos quatro modos de condução do carro (Normal, Sport, Sport Plus ou Individual). No centro do controle fica o botão Sport Response. Ele pode ser usado para liberar o máximo potencial de força do Panamera ao toque de uma tecla.
 
O Panamera Turbo tem o moto r a gasolina mais potente da série de modelos. Seu V8 biturbo de 4,0 litros desenvolve 550 cv (404 kW) a 5.750 rpm e um torque máximo de 770 Nm (entre 1.960 e 4.500 rpm). Ele oferece 30 cv a mais do que o modelo anterior e seu torque máximo foi aumentado em 70 Nm. O moto r de oito cilindros acelera o Panamera Turbo até 100 km/h em 3,8 segundos. Com o pacote Sport Chrono, o tempo de aceleração é de apenas 3,6 segundos.
 
O Porsche pode atingir uma velocidade máxima de 306 km/h. Esses são números impressionantes, que mostram apenas com que facilidade o moto r pode impulsionar o Panamera com sua relação peso-potência de apenas 3,6 kg/cv.
 
A Porsche utiliza turbocompressores com turbina de rotor duplo (twin-scroll) para enviar ar comprimido para as câmaras de combustão do moto r V8. Os dois compressores contra rotatórios geram altos valores de torque máximo em rotações muito baixas. O Panamera Turbo também é o primeiro Porsche equipado com o novo con-trole adaptativo de cilindros. Em operação sob carga parcial, o sistema transforma temporariamente o moto r de oito cilindros num quatro cilindros, de forma imperceptível. Isto reduz o consumo de combustível em até 30 por cento, dependendo da necessidade de força.
 
O moto r V6 biturbo de 2,9 litros do Panamera 4S desenvolve potência máxima de 440 cv (324 kW) (20 cv mais do que o modelo anterior). Ela é disponibilizada a partir de 5.650 rpm. Entre 1.750 e 5.500 rpm, o novo seis cilindros entrega 550 Nm (30 Nm mais) para os eixos de tração. O Panamera 4S pode alcançar 100km/h em apenas 4,4 segundos (4,2 segundos com o pacote Sport Chrono). Com uma velocidade máxima de 289 km/h, este Porsche também se aproxima da marca dos 300 km/h.
 
Assim como o moto r de oito cilindros do Panamera Turbo, o moto r de seis cilindros do Panamera 4S também utiliza um sistema de injeção direta de combustível, com injetores posicionados nas câmaras de combustão. A localização dos injetores permite uma combustão ideal, máxima eficiência e ótimas respostas do moto r. O 4S e o Turbo também se caracterizam pela sonoridade cheia e autêntica.
 
Nova estrutura
 
No novo Panamera, o chassi também reúne o conforto de rodagem de um sedan de luxo com o desempenho de um verdadeiro esportivo. Isto é conseguido por sistemas inovadores, tais como uma suspensão pneumática adaptativa com nova tecnologia de três câmaras, incluindo o Gerenciamento Ativo da Suspensão (controle eletrônico de amortecedores PASM), o aperfeiçoado sistema Porsche de Controle Dinâmico Esportivo do Chassi (PDCC Sport) com Vetoreamento de Torque Plus (PTV Plus) e estabilização ativa de rolagem, assim como um novo sistema de direção eletrome-cânica.
 
O sistema integrado de Controle do Chassi 4D analisa e sincroniza todos os sistemas do chassi em tempo real e otimiza o desempenho do novo Panamera na estrada. A Porsche também está elevando a precisão da direção e dirigibilidade ao nível dos carros de Gran Turismo com as rodas traseiras direcionais, um item que também é novidade e foi adaptado do 918 Spyder e 911 Turbo.
 
Nova geração de sistemas de assistência
 
O Porsche Panamera vem equipado com muitos sistemas de assistência de série e opcionais. Os novos sistemas mais importantes incluem o assistente de visão noturna (como opcional), que usa uma câmera térmica para detectar pessoas e grandes animais e exibe um indicador colorido de alerta no cockpit.
 
Se o carro estiver equipado com os faróis opcionais de matriz de LEDs com 84 pontos de imagem, pessoas eventualmente posicionadas além do campo visual do farol baixo são iluminadas brevemente se estiverem na trajetória computada, permitindo que o moto rista reaja ainda mais rápido. O novo assistente de visão noturna é um dos sistemas de assistência que ajuda a evitar situações críticas antecipadamente.
 
Olhando especialmente para adiante no caminho está o novo sistema Porsche InnoDrive (como opcional), que inclui o controle de velocidade de cruzeiro adaptativo. Baseado em dados de navegação e sinais recebidos de sensores de radar e vídeo, ele calcula e ativa os melhores índices de aceleração e desaceleração, assim como seleciona as marchas e determina as fases de rolagem livre para os próximos três quilômetros. Desta forma, este copiloto eletrônico leva em conta as curvas, inclinações e limites de velocidade.
 
Estilo
 
O fato do Panamera ser um cupê de quatro portas e não um sedan convencional fica mais claro desde a traseira do que sob qualquer outro ponto de vista. A "estufa" constituída pelo teto, suas colunas e a superfície das janelas é apoiada numa área de ombros larga e poderosa.
 
Os componentes mais destacados identificando a traseira da carroceria são, sem dúvida, as lanternas de LED tridimensionais com luzes de freios integradas com quatro pontos. As lanternas traseiras são ligadas entre si por uma fina faixa de LEDs. Todos esses elementos reunidos criam um inconfundível design noturno. O defletor aerodinâmico traseiro extensível, agora com a mesma cor da carroceria, fica integrado sem interrupções à tampa do porta-malas, que tem abertura e fechamento elétricos de série.
 
No Panamera Turbo, essa asa se divide à medida que se estende, ganhando dessa forma maior área de superfície. Arrematando a parte inferior traseira da carroceria fica um difusor, no qual estão integradas as duas ponteiras duplas do escapamento de aço inoxidável, à direita e à esquerda. O Panamera 4S pode ser reconhecidos pelas ponteiras de escapamento redondas, enquanto no Panamera Turbo elas têm acabamento trapezoidal.
 
Disponibilidade
 
O novo Porsche Panamera já pode ser encomendado e chegará às concessionárias na Alemanha em 5 de novembro deste ano. Os preços na Alemanha começam em 113.027 euros para o Panamera 4S, incluindo o imposto sobre valor adicionado (VAT). Os preços do Panamera Turbo começam a partir de 153.011 euros.
 
Os modelos Panamera 4S e Panamera Turbo também estão planejados para serem comercializados no mercado Brasileiro com previsão de chegada no país no final de 2016. Os preços e pacotes ainda não foram definidos.

Notícias < Voltar
Porsche reinventa o novo Panamera
 

Porsche reinventa o novo Panamera

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Com um desenvolvimento completamente novo, modelo volta ao destaque entre os sedans de luxo

30 de Junho de 2016

O novo Porsche Panamera acaba de ser apresentado. Ele reúne, mais do que nunca, duas características contrastantes: o desempenho de um modelo esportivo e o conforto de um sedan de alto luxo. Trata-se de um legítimo “Gran Turismo”, repensado e realinhado.
 
Assim, a segunda geração do Panamera avança para se tornar um ícone de performance na categoria luxo. Nessa transformação, a Porsche incrementou o conceito do Panamera, apresentando um modelo de quatro portas, redesenvolvido e reprojetado até o último detalhe.
 
Os moto res e transmissões foram reprojetados, o chassifoi  aperfeiçoado e o conceito de display e controles alinhados com uma visão de futuro. O novo Panamera também amplia a fronteira entre o mundo dos carros esportivos mais expressivos, e o mundo dos confortáveis carros de passeio.
 
Visualmente, o conceito deste grande Porsche se reflete no novo design. A típica "flyline" da Porsche cria uma ligação estilística com o ícone de design da marca, o Porsche 911.
 
O interior típico da Porsche foi reinterpretado para o futuro. Painéis com superfícies negras e displays interativos combinam uma interface limpa e intuitiva semelhante à dos smartphones e tablets. Os clássicos comandos por interruptores e instrumentos convencionais foram significativamente reduzidos. Eles foram substituídos por painéis sensíveis ao toque e mostradores individualmente configuráveis que assumem o centro do novo Porsche Advanced Cockpit. Esse conceito de cockpit transforma o mundo analógico na atualidade digital da mobilidade. O conta-giros, posicionado ao centro do conjunto de instrumentos, é um tributo ao Porsche 356 A de 1955.
 
O moto rista e o passageiro podem configurar individualmente os displays do carro. Eles estão integrados ao PCM: recursos como a navegação online, as funções online do Porsche Connect, a integração de smartfones pelo Apple Car Play e um novo sistema de controle por voz que responde a comandos em linguagem normal. A área do PCM  se integra com o painel do console central com um seletor eletrônico que comanda o câmbio PDK. Um novo painel de controle com comandos sensíveis ao toque no console central permite a operação de várias funções. Até mesmo as persianas da saída de ar central são ajustadas eletricamente, por comandos deslizantes sensíveis ao toque.
 
Os passageiros de trás podem controlar o ar condicionado e as funções de informação e entretenimento utilizando um sistema opcional de operação opcional de quatro zonas da climatização.
 
Além disso, o Porsche Panamera oferece a melhor variação disponível em qualquer modelo da classe luxo, facilitando o uso cotidiano com a divisão 40:20:40 do encosto do banco traseiro, que permite aumentar a capacidade do compartimento de bagagem de 495 para 1.304 litros. Há novas opções de equipamentos, como o teto inclinável panorâmico, bancos com massagem, iluminação ambiente e um sistema de som 3D de vanguarda da Burmester.
 
Novos moto res biturbo
 
Os moto res da segunda geração do Panamera foram reprojetados. Todos eles ficaram mais potentes, ao mesmo tempo que melhorando significativamente a economia de combustível e reduzindo emissões.
 
Três novos moto res biturbo com injeção direta estão sendo apresentados no lançamento ao mercado, no Panamera Turbo e Panamera 4S. Todos eles podem ser equipados com um sistema de tração integral permanente e uma nova transmissão Porsche de oito marchas com dupla embreagem (PDK). Um moto r V8 a gasolina com 550 cv impulsiona o Panamera Turbo e um V6 a gasolina com 440 cv movimenta o Panamera 4S.
 
Os turbocompressores dos novos moto res do Panamera são instalados no centro do V formado pelas bancadas de cilindros. Este posicionamento central dos turbos leva a vários benefícios: os moto res são mais compactos, o que permite uma montagem mais baixa. Isto, por sua vez, tem um efeito positivo no centro de gravidade do veículo. As menores distâncias entre os dois turbocompressores e as câmaras de combustão produzem uma resposta ao acelerador mais espontânea.
 
A resposta do moto r pode ser aumentada ainda mais utilizando o Seletor de Modos opcional com o botão Sport Response (resposta esportiva). O Mode Switch, que foi apresentado pela primeira vez no Porsche 918 Spyder, é um anel com operação intuitiva localizado no volante, que pode ser usado para ativar um dos quatro modos de condução do carro (Normal, Sport, Sport Plus ou Individual). No centro do controle fica o botão Sport Response. Ele pode ser usado para liberar o máximo potencial de força do Panamera ao toque de uma tecla.
 
O Panamera Turbo tem o moto r a gasolina mais potente da série de modelos. Seu V8 biturbo de 4,0 litros desenvolve 550 cv (404 kW) a 5.750 rpm e um torque máximo de 770 Nm (entre 1.960 e 4.500 rpm). Ele oferece 30 cv a mais do que o modelo anterior e seu torque máximo foi aumentado em 70 Nm. O moto r de oito cilindros acelera o Panamera Turbo até 100 km/h em 3,8 segundos. Com o pacote Sport Chrono, o tempo de aceleração é de apenas 3,6 segundos.
 
O Porsche pode atingir uma velocidade máxima de 306 km/h. Esses são números impressionantes, que mostram apenas com que facilidade o moto r pode impulsionar o Panamera com sua relação peso-potência de apenas 3,6 kg/cv.
 
A Porsche utiliza turbocompressores com turbina de rotor duplo (twin-scroll) para enviar ar comprimido para as câmaras de combustão do moto r V8. Os dois compressores contra rotatórios geram altos valores de torque máximo em rotações muito baixas. O Panamera Turbo também é o primeiro Porsche equipado com o novo con-trole adaptativo de cilindros. Em operação sob carga parcial, o sistema transforma temporariamente o moto r de oito cilindros num quatro cilindros, de forma imperceptível. Isto reduz o consumo de combustível em até 30 por cento, dependendo da necessidade de força.
 
O moto r V6 biturbo de 2,9 litros do Panamera 4S desenvolve potência máxima de 440 cv (324 kW) (20 cv mais do que o modelo anterior). Ela é disponibilizada a partir de 5.650 rpm. Entre 1.750 e 5.500 rpm, o novo seis cilindros entrega 550 Nm (30 Nm mais) para os eixos de tração. O Panamera 4S pode alcançar 100km/h em apenas 4,4 segundos (4,2 segundos com o pacote Sport Chrono). Com uma velocidade máxima de 289 km/h, este Porsche também se aproxima da marca dos 300 km/h.
 
Assim como o moto r de oito cilindros do Panamera Turbo, o moto r de seis cilindros do Panamera 4S também utiliza um sistema de injeção direta de combustível, com injetores posicionados nas câmaras de combustão. A localização dos injetores permite uma combustão ideal, máxima eficiência e ótimas respostas do moto r. O 4S e o Turbo também se caracterizam pela sonoridade cheia e autêntica.
 
Nova estrutura
 
No novo Panamera, o chassi também reúne o conforto de rodagem de um sedan de luxo com o desempenho de um verdadeiro esportivo. Isto é conseguido por sistemas inovadores, tais como uma suspensão pneumática adaptativa com nova tecnologia de três câmaras, incluindo o Gerenciamento Ativo da Suspensão (controle eletrônico de amortecedores PASM), o aperfeiçoado sistema Porsche de Controle Dinâmico Esportivo do Chassi (PDCC Sport) com Vetoreamento de Torque Plus (PTV Plus) e estabilização ativa de rolagem, assim como um novo sistema de direção eletrome-cânica.
 
O sistema integrado de Controle do Chassi 4D analisa e sincroniza todos os sistemas do chassi em tempo real e otimiza o desempenho do novo Panamera na estrada. A Porsche também está elevando a precisão da direção e dirigibilidade ao nível dos carros de Gran Turismo com as rodas traseiras direcionais, um item que também é novidade e foi adaptado do 918 Spyder e 911 Turbo.
 
Nova geração de sistemas de assistência
 
O Porsche Panamera vem equipado com muitos sistemas de assistência de série e opcionais. Os novos sistemas mais importantes incluem o assistente de visão noturna (como opcional), que usa uma câmera térmica para detectar pessoas e grandes animais e exibe um indicador colorido de alerta no cockpit.
 
Se o carro estiver equipado com os faróis opcionais de matriz de LEDs com 84 pontos de imagem, pessoas eventualmente posicionadas além do campo visual do farol baixo são iluminadas brevemente se estiverem na trajetória computada, permitindo que o moto rista reaja ainda mais rápido. O novo assistente de visão noturna é um dos sistemas de assistência que ajuda a evitar situações críticas antecipadamente.
 
Olhando especialmente para adiante no caminho está o novo sistema Porsche InnoDrive (como opcional), que inclui o controle de velocidade de cruzeiro adaptativo. Baseado em dados de navegação e sinais recebidos de sensores de radar e vídeo, ele calcula e ativa os melhores índices de aceleração e desaceleração, assim como seleciona as marchas e determina as fases de rolagem livre para os próximos três quilômetros. Desta forma, este copiloto eletrônico leva em conta as curvas, inclinações e limites de velocidade.
 
Estilo
 
O fato do Panamera ser um cupê de quatro portas e não um sedan convencional fica mais claro desde a traseira do que sob qualquer outro ponto de vista. A "estufa" constituída pelo teto, suas colunas e a superfície das janelas é apoiada numa área de ombros larga e poderosa.
 
Os componentes mais destacados identificando a traseira da carroceria são, sem dúvida, as lanternas de LED tridimensionais com luzes de freios integradas com quatro pontos. As lanternas traseiras são ligadas entre si por uma fina faixa de LEDs. Todos esses elementos reunidos criam um inconfundível design noturno. O defletor aerodinâmico traseiro extensível, agora com a mesma cor da carroceria, fica integrado sem interrupções à tampa do porta-malas, que tem abertura e fechamento elétricos de série.
 
No Panamera Turbo, essa asa se divide à medida que se estende, ganhando dessa forma maior área de superfície. Arrematando a parte inferior traseira da carroceria fica um difusor, no qual estão integradas as duas ponteiras duplas do escapamento de aço inoxidável, à direita e à esquerda. O Panamera 4S pode ser reconhecidos pelas ponteiras de escapamento redondas, enquanto no Panamera Turbo elas têm acabamento trapezoidal.
 
Disponibilidade
 
O novo Porsche Panamera já pode ser encomendado e chegará às concessionárias na Alemanha em 5 de novembro deste ano. Os preços na Alemanha começam em 113.027 euros para o Panamera 4S, incluindo o imposto sobre valor adicionado (VAT). Os preços do Panamera Turbo começam a partir de 153.011 euros.
 
Os modelos Panamera 4S e Panamera Turbo também estão planejados para serem comercializados no mercado Brasileiro com previsão de chegada no país no final de 2016. Os preços e pacotes ainda não foram definidos.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!