Revista Comprecar
Range Rover e a série especial Autobiography
Linha exclusiva entra em sua 3ª década sendo referência em SUV de luxo
Range Rover e a série especial Autobiography
17 de Março de 2015

A versão exclusiva Autobiography que acompanha a linha Range Rover e oferece ainda mais luxo e opções de personalização, completa neste ano seu 21º aniversário. E o exclusivo produto estará disponível para o mercado brasileiro.
 
Essa assinatura reflete o que existe de mais premium e exclusivo dentro do mercado de SUVs e, ao longo das duas últimas décadas, se tornou referência em exclusividade e sofisticação, ao proporcionar aos clientes Range Rover diversos itens e acessórios que deixam o veículo totalmente de acordo com suas preferências pessoais.
 
A versão Autobiography foi apresentada pela primeira vez ao público durante o Salão do Automóvel de Londres, em 1993 e chegou aos clientes no ano seguinte. Desde então, todos os veículos que recebiam essa assinatura foram desenvolvidos por uma equipe dedicada, que tinha como premissa a utilização de materiais ainda mais premium e a atenção aos mínimos detalhes.
 
As primeiras unidades do Range Rover Autobiography eram produzidas completamente sob medida. Eles ofereciam aos clientes a oportunidade de personalizar seus veículos com uma grande variedade de cores de carroceria e tipos de acabamento interior. Tal possibilidade gerou uma procura altíssima, levando a Land Rover a desenvolver uma edição limitada com a assinatura em cima da versão LSE, topo de linha na época, com distância entre-eixos alongada. A produção limitou-se a apenas 25 unidades.
 
Para manter a exclusividade e o apelo aos clientes, a Land Rover tem, ao longo desses anos, assegurado que os veículos com a assinatura Autobiography sejam equipados com o que existe de melhor em termos de tecnologia. Suas primeiras unidades eram produzidas sob medida para acomodar um aparelho de fax em seu console traseiro. Já no início de 1997, a linha foi uma das primeiras no mundo a adotar sistemas de navegação e TV via satélite em um automóvel.
 
Já para a terceira geração do Range Rover, lançada em 2002, a Land Rover ofereceu um sistema ainda mais completo de entretenimento na linha Autobiography, com a introdução de um sistema de áudio de altíssima qualidade e um sistema de DVD individual. Além disso, os clientes ainda podiam personalizar os mínimos detalhes de seu veículo, como a cor dos tapetes em pele de carneiro e o tipo de madeira utilizada nos acabamentos da cabine. Qualquer pessoa que buscava algo mais exclusivo poderia solicitar esses detalhes.
 
Em 2011, a Land Rover apresentou o mais caro Range Rover já produzido, com a versão 500 Autobiography, cujo preço partia de 120 mil libras esterlinas. O veículo tinha foco nos clientes que eram conduzidos por moto ristas e foi considerado o mais luxuoso já produzido pela Land Rover até a chegada da nova geração do Range Rover em 2013.
 
O Autobiography Black
 
O modelo atual, com sua estrutura leve produzida em alumínio, adotou uma interpretação própria da assinatura Autobiography com a versão Autobiography Black. A produção é de responsabilidade da Divisão de Veículos Especiais da Jaguar Land Rover, liderada por John Edwards, que desenvolve e fabrica as linhas mais exclusivas dos modelos Range Rover.
 
O veículo é a expressão exata de como um Range Rover pode ser exclusivo e luxuoso, ao receber revestimento em couro de altíssima qualidade e materiais de alto nível e design individual. Entre os itens de série, destacam-se o teto panorâmico, assentos com regulagem individual de temperatura e funções de massagem além da opção de bancos traseiros executivos, com a extensão traseira do console central.
 
Em termos de tecnologia, os bancos de trás são equipados com uma série de portas USB e duas telas sensíveis ao toque de 10,2 polegadas com funcionamento individual, além de mesas com acionamento elétrico e acabamento em couro, colocadas na parte traseira dos bancos da frente.
 
A Divisão de Operações Especiais da Jaguar Land Rover está sendo transferida para um novo local no interior do Reino Unido. As novas instalações irão ampliar as possibilidades de serviços sob medida aos clientes, com oficinas flexíveis e um centro de pintura totalmente automatizado. A assinatura Autobiography foi estendida para os outros modelos da linha Range Rover como o Evoque e também para o icônico Defender que tem em 2015 seu último ano de produção.

Notícias < Voltar
Range Rover e a série especial Autobiography
 

Range Rover e a série especial Autobiography

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Linha exclusiva entra em sua 3ª década sendo referência em SUV de luxo

17 de Março de 2015

A versão exclusiva Autobiography que acompanha a linha Range Rover e oferece ainda mais luxo e opções de personalização, completa neste ano seu 21º aniversário. E o exclusivo produto estará disponível para o mercado brasileiro.
 
Essa assinatura reflete o que existe de mais premium e exclusivo dentro do mercado de SUVs e, ao longo das duas últimas décadas, se tornou referência em exclusividade e sofisticação, ao proporcionar aos clientes Range Rover diversos itens e acessórios que deixam o veículo totalmente de acordo com suas preferências pessoais.
 
A versão Autobiography foi apresentada pela primeira vez ao público durante o Salão do Automóvel de Londres, em 1993 e chegou aos clientes no ano seguinte. Desde então, todos os veículos que recebiam essa assinatura foram desenvolvidos por uma equipe dedicada, que tinha como premissa a utilização de materiais ainda mais premium e a atenção aos mínimos detalhes.
 
As primeiras unidades do Range Rover Autobiography eram produzidas completamente sob medida. Eles ofereciam aos clientes a oportunidade de personalizar seus veículos com uma grande variedade de cores de carroceria e tipos de acabamento interior. Tal possibilidade gerou uma procura altíssima, levando a Land Rover a desenvolver uma edição limitada com a assinatura em cima da versão LSE, topo de linha na época, com distância entre-eixos alongada. A produção limitou-se a apenas 25 unidades.
 
Para manter a exclusividade e o apelo aos clientes, a Land Rover tem, ao longo desses anos, assegurado que os veículos com a assinatura Autobiography sejam equipados com o que existe de melhor em termos de tecnologia. Suas primeiras unidades eram produzidas sob medida para acomodar um aparelho de fax em seu console traseiro. Já no início de 1997, a linha foi uma das primeiras no mundo a adotar sistemas de navegação e TV via satélite em um automóvel.
 
Já para a terceira geração do Range Rover, lançada em 2002, a Land Rover ofereceu um sistema ainda mais completo de entretenimento na linha Autobiography, com a introdução de um sistema de áudio de altíssima qualidade e um sistema de DVD individual. Além disso, os clientes ainda podiam personalizar os mínimos detalhes de seu veículo, como a cor dos tapetes em pele de carneiro e o tipo de madeira utilizada nos acabamentos da cabine. Qualquer pessoa que buscava algo mais exclusivo poderia solicitar esses detalhes.
 
Em 2011, a Land Rover apresentou o mais caro Range Rover já produzido, com a versão 500 Autobiography, cujo preço partia de 120 mil libras esterlinas. O veículo tinha foco nos clientes que eram conduzidos por moto ristas e foi considerado o mais luxuoso já produzido pela Land Rover até a chegada da nova geração do Range Rover em 2013.
 
O Autobiography Black
 
O modelo atual, com sua estrutura leve produzida em alumínio, adotou uma interpretação própria da assinatura Autobiography com a versão Autobiography Black. A produção é de responsabilidade da Divisão de Veículos Especiais da Jaguar Land Rover, liderada por John Edwards, que desenvolve e fabrica as linhas mais exclusivas dos modelos Range Rover.
 
O veículo é a expressão exata de como um Range Rover pode ser exclusivo e luxuoso, ao receber revestimento em couro de altíssima qualidade e materiais de alto nível e design individual. Entre os itens de série, destacam-se o teto panorâmico, assentos com regulagem individual de temperatura e funções de massagem além da opção de bancos traseiros executivos, com a extensão traseira do console central.
 
Em termos de tecnologia, os bancos de trás são equipados com uma série de portas USB e duas telas sensíveis ao toque de 10,2 polegadas com funcionamento individual, além de mesas com acionamento elétrico e acabamento em couro, colocadas na parte traseira dos bancos da frente.
 
A Divisão de Operações Especiais da Jaguar Land Rover está sendo transferida para um novo local no interior do Reino Unido. As novas instalações irão ampliar as possibilidades de serviços sob medida aos clientes, com oficinas flexíveis e um centro de pintura totalmente automatizado. A assinatura Autobiography foi estendida para os outros modelos da linha Range Rover como o Evoque e também para o icônico Defender que tem em 2015 seu último ano de produção.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!