Revista Comprecar
Renault apresenta Novo Koleos na Europa
SUV grande da marca francesa aposta no design e refinamento
Renault apresenta Novo Koleos na Europa
01 de Agosto de 2016

O Novo Koleos foi revelado no último Salão do Automóvel de Pequim, e pretende ser o SUV topo de linha da Renault. É um carro mundial, que será vendido em alguns países latino-americanos, asiáticos, do Oriente Médio e na Turquia. O Novo Koleos faz parte do plano de desenvolvimento internacional da Renault, que prevê a ampliação de sua gama de produtos e a expansão de sua presença em todo o mundo. Existe ainda a possibilidade do modelo ser vendido no Brasil.
 
O Koleos é um SUV grande, tem distância entre eixos de 2,705 mm, e comprimento total de 4,673 mm. O espaço interno está entre os maiores da categoria, oferece 289 mm de espaço para os joelhos além de excelente espaço para a cabeça dos passageiros acomodados no banco de trás, e um espaço generoso para os ombros e cotovelos. Os bancos traseiros podem ser aquecidos por meio de duas opções de temperatura. As portas largas tornam mais fáceis os movimentos de entrar e sair, com ângulos de abertura de 70 e 77 graus na frente e atrás, respectivamente.
 
Além do espaço interno, o novo Koleos conta com um amplo porta-malas modular e práticas soluções de armazenagem. Porta-malas com capacidade de 600 litros, cujo assoalho removível se posiciona na mesma altura do porta-malas, formando uma superfície contínua. Ouro item é abertura elétrica da tampa do porta-malas e pode ser feita sem o uso das mãos, bastando fazer um movimento com o pé sob o para-choque.
 
Entre os diversos equipamentos, o Koleos pode oferecer faróis full LED, teto solar com 0,80 m² de área, câmera de ré, acendimento automático dos faróis baixo ou alto (AHL), sensores de estacionamento (traseiro e laterais) e sistema de estacionamento tipo mãos-livres (Easy Park Assist).
 
O Koleos também pode vir equipado com o sistema multimídia R-LINK 2 (com 7’’ paisagem ou 8.7’’ retrato), um tablet conectado que figura em vários modelos topo de linha da Renault. O sistema controla funções de entretenimento, navegação, telefonia tipo mãos-livres, rádio e os sistemas avançados de assistência ao moto rista.
 
Em relação aos equipamentos segurança, são oferecidos: seis airbags, encostos de cabeça que protegem contra lesões no pescoço, controle eletrônico de estabilidade (ESC), controle de tração, assistência à frenagem, distribuição eletrônica da frenagem e assistência de partida em ladeira.
 
Conforme o mercado, também o modelo também pode ter Sistema de Frenagem Automática de Emergência (AEBS), Alerta de Saída de Faixa (LDW), Alerta de Pontos Cegos (BSW) e Detector de Fadiga (UTA),
 
São duas opções de moto res a gasolina e duas opções a diesel conforme o país, com potências que variam de 130 a 175 cv, associadas a um câmbio manual de 6 velocidades ou à transmissão automática CVT X-Tronic.
 
O moto r 2.0 a gasolina de 4 cilindros e 16 válvulas, duplo comando de válvulas e injeção direta entrega 145 cv (106 kW) a 6.000 rpm e torque máximo de 200 Nm a 4.400 rpm. Com mais de 80% do torque disponível a partir de 2.400 rpm. Conforme o mercado, ele pode ser associado a um câmbio manual de 6 velocidades (apenas nas versões 2WD) ou a transmissão automática CVT X-Tronic (versões 2WD ou 4WD).
 
Já o moto r 2.5 a gasolina de16 válvulas, 4 cilindros e duplo comando de válvulas entrega uma potência máxima de 170 cv (126 kW) a 6.000 rpm, com torque máximo de 233 Nm a 4.000 rpm. Com seus 200 Nm de torque disponíveis a partir de 1.800 rpm, permitindo uso com reboque (até duas toneladas, dependendo do mercado). Conforme o país, o modelo pode estar disponível com tração em duas ou quatro rodas, neste caso associado à transmissão automática CVT X-Tronic.
 
O moto r 1.6 dCi (diesel) tem potência máxima de 130 cv (96 kW) a 4.000 rpm e torque máximo de 320 Nm de 1.750 a 2.250 rpm. Este moto r só pode ser associado a uma tração em duas rodas, mas pode ser acoplado a uma caixa manual de 6 velocidades ou à transmissão automática CVT X-Tronic, conforme o mercado.
 
O moto r 2.0 a diesel é o propulsor mais potente oferecido pelo Koleos. Equipado com um turbo de geometria variável, injeção direta ‘common rail’, entrega uma potência máxima de 175 cv (127 kW) a 3.750 rpm e torque máximo de 380 Nm disponível a partir de 2.000 a 3.000 rpm. Este moto r pode ser acoplado à transmissão automática CVT X-Tronic (versões 2WD e 4WD) ou ao câmbio manual de 6 velocidades (apenas para as versões 4WD), conforme o mercado.
 
Em relação a mobilidade do SUV, oferece  uma distância do solo mais alta (210 mm) a ângulos de ataque e saída de 19 e 26 graus, respectivamente. O sistema AWD monitora permanentemente os níveis de aderência, para garantir uma tração ideal em qualquer terreno. Fácil de usar, o sistema é acionado por meio de um botão localizado à esquerda do volante, permitindo que o moto rista selecione um dos 3 modos: 2WD, 4WD AUTO ou 4WD LOCK.

Notícias < Voltar
Renault apresenta Novo Koleos na Europa
 

Renault apresenta Novo Koleos na Europa

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

SUV grande da marca francesa aposta no design e refinamento

01 de Agosto de 2016

O Novo Koleos foi revelado no último Salão do Automóvel de Pequim, e pretende ser o SUV topo de linha da Renault. É um carro mundial, que será vendido em alguns países latino-americanos, asiáticos, do Oriente Médio e na Turquia. O Novo Koleos faz parte do plano de desenvolvimento internacional da Renault, que prevê a ampliação de sua gama de produtos e a expansão de sua presença em todo o mundo. Existe ainda a possibilidade do modelo ser vendido no Brasil.
 
O Koleos é um SUV grande, tem distância entre eixos de 2,705 mm, e comprimento total de 4,673 mm. O espaço interno está entre os maiores da categoria, oferece 289 mm de espaço para os joelhos além de excelente espaço para a cabeça dos passageiros acomodados no banco de trás, e um espaço generoso para os ombros e cotovelos. Os bancos traseiros podem ser aquecidos por meio de duas opções de temperatura. As portas largas tornam mais fáceis os movimentos de entrar e sair, com ângulos de abertura de 70 e 77 graus na frente e atrás, respectivamente.
 
Além do espaço interno, o novo Koleos conta com um amplo porta-malas modular e práticas soluções de armazenagem. Porta-malas com capacidade de 600 litros, cujo assoalho removível se posiciona na mesma altura do porta-malas, formando uma superfície contínua. Ouro item é abertura elétrica da tampa do porta-malas e pode ser feita sem o uso das mãos, bastando fazer um movimento com o pé sob o para-choque.
 
Entre os diversos equipamentos, o Koleos pode oferecer faróis full LED, teto solar com 0,80 m² de área, câmera de ré, acendimento automático dos faróis baixo ou alto (AHL), sensores de estacionamento (traseiro e laterais) e sistema de estacionamento tipo mãos-livres (Easy Park Assist).
 
O Koleos também pode vir equipado com o sistema multimídia R-LINK 2 (com 7’’ paisagem ou 8.7’’ retrato), um tablet conectado que figura em vários modelos topo de linha da Renault. O sistema controla funções de entretenimento, navegação, telefonia tipo mãos-livres, rádio e os sistemas avançados de assistência ao moto rista.
 
Em relação aos equipamentos segurança, são oferecidos: seis airbags, encostos de cabeça que protegem contra lesões no pescoço, controle eletrônico de estabilidade (ESC), controle de tração, assistência à frenagem, distribuição eletrônica da frenagem e assistência de partida em ladeira.
 
Conforme o mercado, também o modelo também pode ter Sistema de Frenagem Automática de Emergência (AEBS), Alerta de Saída de Faixa (LDW), Alerta de Pontos Cegos (BSW) e Detector de Fadiga (UTA),
 
São duas opções de moto res a gasolina e duas opções a diesel conforme o país, com potências que variam de 130 a 175 cv, associadas a um câmbio manual de 6 velocidades ou à transmissão automática CVT X-Tronic.
 
O moto r 2.0 a gasolina de 4 cilindros e 16 válvulas, duplo comando de válvulas e injeção direta entrega 145 cv (106 kW) a 6.000 rpm e torque máximo de 200 Nm a 4.400 rpm. Com mais de 80% do torque disponível a partir de 2.400 rpm. Conforme o mercado, ele pode ser associado a um câmbio manual de 6 velocidades (apenas nas versões 2WD) ou a transmissão automática CVT X-Tronic (versões 2WD ou 4WD).
 
Já o moto r 2.5 a gasolina de16 válvulas, 4 cilindros e duplo comando de válvulas entrega uma potência máxima de 170 cv (126 kW) a 6.000 rpm, com torque máximo de 233 Nm a 4.000 rpm. Com seus 200 Nm de torque disponíveis a partir de 1.800 rpm, permitindo uso com reboque (até duas toneladas, dependendo do mercado). Conforme o país, o modelo pode estar disponível com tração em duas ou quatro rodas, neste caso associado à transmissão automática CVT X-Tronic.
 
O moto r 1.6 dCi (diesel) tem potência máxima de 130 cv (96 kW) a 4.000 rpm e torque máximo de 320 Nm de 1.750 a 2.250 rpm. Este moto r só pode ser associado a uma tração em duas rodas, mas pode ser acoplado a uma caixa manual de 6 velocidades ou à transmissão automática CVT X-Tronic, conforme o mercado.
 
O moto r 2.0 a diesel é o propulsor mais potente oferecido pelo Koleos. Equipado com um turbo de geometria variável, injeção direta ‘common rail’, entrega uma potência máxima de 175 cv (127 kW) a 3.750 rpm e torque máximo de 380 Nm disponível a partir de 2.000 a 3.000 rpm. Este moto r pode ser acoplado à transmissão automática CVT X-Tronic (versões 2WD e 4WD) ou ao câmbio manual de 6 velocidades (apenas para as versões 4WD), conforme o mercado.
 
Em relação a mobilidade do SUV, oferece  uma distância do solo mais alta (210 mm) a ângulos de ataque e saída de 19 e 26 graus, respectivamente. O sistema AWD monitora permanentemente os níveis de aderência, para garantir uma tração ideal em qualquer terreno. Fácil de usar, o sistema é acionado por meio de um botão localizado à esquerda do volante, permitindo que o moto rista selecione um dos 3 modos: 2WD, 4WD AUTO ou 4WD LOCK.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!