Revista Comprecar
Veja quais são os melhores carros SUVs 2016/2017
O consumidor brasileiro acompanha as tendências mundiais e tem demonstrado um interesse cada vez maior pelos utilitários esportivos.
Veja quais são os melhores carros SUVs 2016/2017
10 de Dezembro de 2016

O consumidor brasileiro acompanha as tendências mundiais e tem demonstrado um interesse cada vez maior pelos utilitários esportivos. Os fabricantes têm conseguido dar boa resposta à procura e a quantidade de opções de carros SUV no mercado é cada vez maior.

Veja a lista dos melhores modelos SUV de cada faixa de preço.

Menos de R$ 75.000

Peugeot 2008 Allure 1.6
 
O Peugeot 2008 é capaz de surpreender no desempenho, conta com uma boa lista de equipamentos e tem o menor custo de reparos.
 
Ele é o único dessa faixa de preço a ter a opção de câmbio automático, por uma pequena diferença de R$ 1.910, mas com o inconveniente de ter apenas quatro marchas.
 
Na comparação com o Renault Duster, o Peugeot perde no espaço interno, que não deixa de ser bom, mas supera no acabamento e na ergonomia.

Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.598 cm³, 16V, flex
Potência: 115/122 cv (gasolina/etanol)
Transmissão: manual de 6 velocidades ou automática de 4 velocidades
Dimensões: comprimento 4.159 mm, largura 1.739 mm, altura 1.583 mm, entre-eixos 2.542 mm
Peso: 1.235 kg
Preço sugerido: a partir de R$ 67.190
 
Principais concorrentes: Renault Duster e Ford Ecosport

Até R$ 100.000

Honda HR-V EXL
 
Mesmo com tantos concorrentes poderosos, o HR-V continua líder do segmento, campeão de público e crítica e com fila de espera nas concessionárias. Daí vem um dos principais motivos que fazem o crossover da Honda valer a pena: o baixo índice de desvalorização.
 
O bom preço na revenda não se deve apenas à alta procura, mas também à confiabilidade conquistada pelo modelo em pouco tempo de mercado.
 
Além do design ousado, o HR-V se destaca pela mistura de conceitos. Um legítimo crossover que oferece esportividade, conforto, robustez e versatilidade.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, transversal, 1.799 cm³, 4 cilindros, 16V, flex
Potência: 139/140 cv (etanol/gasolina)
Transmissão: CVT, 7 velocidades, tração dianteira
Dimensões: comprimento 4.294 mm, largura 1.772 mm, altura 1.586 mm, entre-eixos 2.610 mm
Peso: 1.740 kg
Preço sugerido: R$ 99.200
 
Principais concorrentes: Jeep Renegade e Nissan Kicks
 
Até R$ 150.000

Audi Q3 Attraction 1.4 TFSI - R$ 142.990
 
O Audi Q3 ficou ainda mais competitivo entre os SUVs compactos de luxo agora que 100% da produção é nacional. O reflexo disso já pode ser visto no preço, especialmente na versão Attraction, a mais em conta do crossover.
 
A dirigibilidade é um dos pontos de destaque, proporcionada pela suspensão firme, direção com assistência elétrica e o eficiente conjunto mecânico.
 
O carro também conta com boa ergonomia e acabamento. O espaço interno possibilita conforto aos cinco ocupantes e o porta-malas é de 480 litros.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.395 cm³, turbo, 4 cilindros, injeção direta, gasolina
Potência: 150 cv
Consumo: 9,5 km/l (cidade) e 11 km/l (estrada)
Transmissão: automatizada S-Tronic de dupla embreagem, 6 velocidades
Dimensões: comprimento 4.388 mm, largura 1.831 mm, altura 1.590 mm, entre-eixos 2.603 mm
Peso: 1.405 kg
Preço sugerido: R$ 142.990
 
Principais concorrentes: BMW X1 e Mercedes-Benz GLA
 
Até R$ 250.000

Mercedes GLC 250 2.0 Turbo
 
Sucessor do GLK com a mesma plataforma dos sedans da Classe C, o GLC 250 encanta no desempenho.
 
O câmbio automático de nove marchas faz as trocas na hora certa e sabe acompanhar o estilo do moto rista. Os cinco modos de condução possibilitam escolher entre uma pilotagem mais econômica, confortável ou esportiva com diferentes padrões de resposta do moto r, direção, suspensão e caixa de marchas.
 
A suspensão bem acertada permite que os controles eletrônicos de estabilidade e tração interfiram somente quando o moto rista ultrapassa os limites de aderência da curva.
 
Também fazem parte dos itens de série da versão básica: 7 airbags, sistema multimídia, start-stop, sensor de chuva, piloto automático, controles de tração e estabilidade, câmera de ré, ar digital de duas zonas, acionamento automático de faróis e limpadores de para-brisa, assistente de partida em rampa e rodas aro 18.
 
A eficiência do conjunto mecânico reflete no consumo: média de 9,4 km/l na cidade e 13,3 km/l na estrada.
 
E como é de se esperar de um SUV, o GLC não abre mão do conforto, com bastante espaço para as pernas e cabeça dos ocupantes, e alto nível de acabamento.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, longitudinal, 1.991 cm³, 4 cilindros em linha, 16V, comando duplo, injeção direta, gasolina
Potência: 211 cv
Transmissão: automática, 9 velocidades, tração integral
Dimensões: comprimento 4.656 mm, largura 1.890 mm, altura 1.639 mm, entre-eixos 2.873 mm.
Peso: 1.735 kg
Preço sugerido: R$ 222.900
 
Principais concorrentes: BMW X3, Audi Q5, e Land Rover Discovery Sport
 
Mais de R$ 250.000

Volvo XC90 T6 Momentum 2.0 turbo
 
Um gigante feito para agradar o consumidor mais racional. Esse é o Volvo XC90, o automóvel mais moderno e luxuoso produzido pela marca sueca.
 
Os destaques começam com as inovações de segurança e tecnologia. Se a tendência da indústria automotiva são os carros autônomos, o XC90 dá um gostinho disso. É possível deixar o carro andar sozinho em até 50 km/h, mantendo distância segura do veículo à frente.
 
O sistema de frenagem automática prepara o carro para situações inesperadas e reconhece pedestres, carros e ciclistas, também em velocidades de até 50 km/h.
 
Sem abrir mão do conforto e com um acabamento impecável, as três fileiras de bancos foram desenhadas pensando na possibilidade de uma colisão, com sistemas que previnem possíveis traumas na coluna e pescoço.
 
O utilitário não tem as famosas aletas de troca de marcha para uma condução mais animada, mas não perde muito em desempenho para os rivais e chega a desenvolver até 320 cavalos de potência, com aceleração de zero a 100 km/h em apenas 6,5 segundos.
 
A transmissão automática de 8 velocidades colabora com o consumo, que fica em 8,78 km/l na cidade e 12,73 km/l na estrada.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.969 cm³, turbo, 4 cilindros, 16V
Potência: 320 cv
Transmissão: automática, 8 velocidades, tração integral
Dimensões: comprimento 4.950 mm, largura 2.008 mm, altura 1.776 mm, entre-eixos 2.984 mm.
Peso: 2.125 kg
Preço sugerido: R$ 319.000

Notícias < Voltar
Veja quais são os melhores carros SUVs 2016/2017
 

Veja quais são os melhores carros SUVs 2016/2017

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

O consumidor brasileiro acompanha as tendências mundiais e tem demonstrado um interesse cada vez maior pelos utilitários esportivos.

10 de Dezembro de 2016

O consumidor brasileiro acompanha as tendências mundiais e tem demonstrado um interesse cada vez maior pelos utilitários esportivos. Os fabricantes têm conseguido dar boa resposta à procura e a quantidade de opções de carros SUV no mercado é cada vez maior.

Veja a lista dos melhores modelos SUV de cada faixa de preço.

Menos de R$ 75.000

Peugeot 2008 Allure 1.6
 
O Peugeot 2008 é capaz de surpreender no desempenho, conta com uma boa lista de equipamentos e tem o menor custo de reparos.
 
Ele é o único dessa faixa de preço a ter a opção de câmbio automático, por uma pequena diferença de R$ 1.910, mas com o inconveniente de ter apenas quatro marchas.
 
Na comparação com o Renault Duster, o Peugeot perde no espaço interno, que não deixa de ser bom, mas supera no acabamento e na ergonomia.

Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.598 cm³, 16V, flex
Potência: 115/122 cv (gasolina/etanol)
Transmissão: manual de 6 velocidades ou automática de 4 velocidades
Dimensões: comprimento 4.159 mm, largura 1.739 mm, altura 1.583 mm, entre-eixos 2.542 mm
Peso: 1.235 kg
Preço sugerido: a partir de R$ 67.190
 
Principais concorrentes: Renault Duster e Ford Ecosport

Até R$ 100.000

Honda HR-V EXL
 
Mesmo com tantos concorrentes poderosos, o HR-V continua líder do segmento, campeão de público e crítica e com fila de espera nas concessionárias. Daí vem um dos principais motivos que fazem o crossover da Honda valer a pena: o baixo índice de desvalorização.
 
O bom preço na revenda não se deve apenas à alta procura, mas também à confiabilidade conquistada pelo modelo em pouco tempo de mercado.
 
Além do design ousado, o HR-V se destaca pela mistura de conceitos. Um legítimo crossover que oferece esportividade, conforto, robustez e versatilidade.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, transversal, 1.799 cm³, 4 cilindros, 16V, flex
Potência: 139/140 cv (etanol/gasolina)
Transmissão: CVT, 7 velocidades, tração dianteira
Dimensões: comprimento 4.294 mm, largura 1.772 mm, altura 1.586 mm, entre-eixos 2.610 mm
Peso: 1.740 kg
Preço sugerido: R$ 99.200
 
Principais concorrentes: Jeep Renegade e Nissan Kicks
 
Até R$ 150.000

Audi Q3 Attraction 1.4 TFSI - R$ 142.990
 
O Audi Q3 ficou ainda mais competitivo entre os SUVs compactos de luxo agora que 100% da produção é nacional. O reflexo disso já pode ser visto no preço, especialmente na versão Attraction, a mais em conta do crossover.
 
A dirigibilidade é um dos pontos de destaque, proporcionada pela suspensão firme, direção com assistência elétrica e o eficiente conjunto mecânico.
 
O carro também conta com boa ergonomia e acabamento. O espaço interno possibilita conforto aos cinco ocupantes e o porta-malas é de 480 litros.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.395 cm³, turbo, 4 cilindros, injeção direta, gasolina
Potência: 150 cv
Consumo: 9,5 km/l (cidade) e 11 km/l (estrada)
Transmissão: automatizada S-Tronic de dupla embreagem, 6 velocidades
Dimensões: comprimento 4.388 mm, largura 1.831 mm, altura 1.590 mm, entre-eixos 2.603 mm
Peso: 1.405 kg
Preço sugerido: R$ 142.990
 
Principais concorrentes: BMW X1 e Mercedes-Benz GLA
 
Até R$ 250.000

Mercedes GLC 250 2.0 Turbo
 
Sucessor do GLK com a mesma plataforma dos sedans da Classe C, o GLC 250 encanta no desempenho.
 
O câmbio automático de nove marchas faz as trocas na hora certa e sabe acompanhar o estilo do moto rista. Os cinco modos de condução possibilitam escolher entre uma pilotagem mais econômica, confortável ou esportiva com diferentes padrões de resposta do moto r, direção, suspensão e caixa de marchas.
 
A suspensão bem acertada permite que os controles eletrônicos de estabilidade e tração interfiram somente quando o moto rista ultrapassa os limites de aderência da curva.
 
Também fazem parte dos itens de série da versão básica: 7 airbags, sistema multimídia, start-stop, sensor de chuva, piloto automático, controles de tração e estabilidade, câmera de ré, ar digital de duas zonas, acionamento automático de faróis e limpadores de para-brisa, assistente de partida em rampa e rodas aro 18.
 
A eficiência do conjunto mecânico reflete no consumo: média de 9,4 km/l na cidade e 13,3 km/l na estrada.
 
E como é de se esperar de um SUV, o GLC não abre mão do conforto, com bastante espaço para as pernas e cabeça dos ocupantes, e alto nível de acabamento.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, longitudinal, 1.991 cm³, 4 cilindros em linha, 16V, comando duplo, injeção direta, gasolina
Potência: 211 cv
Transmissão: automática, 9 velocidades, tração integral
Dimensões: comprimento 4.656 mm, largura 1.890 mm, altura 1.639 mm, entre-eixos 2.873 mm.
Peso: 1.735 kg
Preço sugerido: R$ 222.900
 
Principais concorrentes: BMW X3, Audi Q5, e Land Rover Discovery Sport
 
Mais de R$ 250.000

Volvo XC90 T6 Momentum 2.0 turbo
 
Um gigante feito para agradar o consumidor mais racional. Esse é o Volvo XC90, o automóvel mais moderno e luxuoso produzido pela marca sueca.
 
Os destaques começam com as inovações de segurança e tecnologia. Se a tendência da indústria automotiva são os carros autônomos, o XC90 dá um gostinho disso. É possível deixar o carro andar sozinho em até 50 km/h, mantendo distância segura do veículo à frente.
 
O sistema de frenagem automática prepara o carro para situações inesperadas e reconhece pedestres, carros e ciclistas, também em velocidades de até 50 km/h.
 
Sem abrir mão do conforto e com um acabamento impecável, as três fileiras de bancos foram desenhadas pensando na possibilidade de uma colisão, com sistemas que previnem possíveis traumas na coluna e pescoço.
 
O utilitário não tem as famosas aletas de troca de marcha para uma condução mais animada, mas não perde muito em desempenho para os rivais e chega a desenvolver até 320 cavalos de potência, com aceleração de zero a 100 km/h em apenas 6,5 segundos.
 
A transmissão automática de 8 velocidades colabora com o consumo, que fica em 8,78 km/l na cidade e 12,73 km/l na estrada.
 
Ficha Técnica
Motor: dianteiro, 1.969 cm³, turbo, 4 cilindros, 16V
Potência: 320 cv
Transmissão: automática, 8 velocidades, tração integral
Dimensões: comprimento 4.950 mm, largura 2.008 mm, altura 1.776 mm, entre-eixos 2.984 mm.
Peso: 2.125 kg
Preço sugerido: R$ 319.000

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!