Revista Comprecar
Audi registra recorde de vendas no primeiro trimestre
Foram vendidos 463.800 carros, um crescimento de 9,8%
Audi registra recorde de vendas no primeiro trimestre
10 de Abril de 2018

A Audi atingiu um novo recorde: fechou seu melhor primeiro trimestre na história. Entre janeiro e março, a companhia vendeu cerca de 463.800 automóveis em todo o mundo, 9,8% a mais do que no mesmo período do ano passado. As altas demandas na China (+41,9%) e na América do Norte (+10,2%), em particular, impulsionaram o crescimento nos primeiros três meses do ano. Na Europa, no entanto, as vendas desde janeiro ficaram abaixo do nível recorde de 2017, com uma queda de 4,7%. Em março, a empresa entregou cerca de 183.750 automóveis premium (+6%) em todo o mundo.
 
Na China, a Audi também fechou o primeiro trimestre com sucesso. A companhia entregou 154.270 carros desde janeiro, um aumento de 41,9% no país. No mês passado, a demanda cresceu 30,6%; a montadora vendeu mais automóveis na China do que nunca no mês de março, entregando 54.031 unidades. O A4 provou ser uma peça importante para esse crescimento. O número de entregas do modelo aumentou em 86,4% de um ano para o outro, com mais de 13.800 carros. Desde o início de 2018, mais de 37.350 clientes chineses receberam suas chaves por um A4 (+99.2%). O campeão de vendas também segue essa tendência positiva mundialmente, alcançando crescimento de 15,3%, para cerca de 87.850 A4 entregues no período de janeiro a março.
 
Com queda de 5,8% nas vendas em março, a Europa é indicativa da complexa situação de renovação do portfólio da marca. Na Alemanha e no Reino Unido, os dois maiores mercados europeus da Audi, as entregas caíram em relação aos fortes números de vendas de 2017. No mercado interno, a marca premium entregou 28.247 automóveis (-9%) no último. No Reino Unido, as vendas caíram 2,9% em março se comparado ao mesmo mês do ano passado. No primeiro trimestre, as vendas no Reino Unido ficaram em pé de igualdade com o ano anterior, subindo 0,1%, e tiveram um desempenho muito mais resiliente do que o mercado geral em declínio. As demandas na Espanha (+11,3%) e na Itália (+2,8%) também permaneceram positivas no mês passado. Em ambos os mercados, o interesse no Q5 se manteve desde o início do ano: 1.618 clientes espanhóis (+51,5%) e 2.106 compradores italianos (+131,9%) optaram pelo SUV no primeiro trimestre. Outro resultado positivo: na Áustria, a Audi conquistou uma liderança de mercado premium em relação aos emplacamentos de carros entre janeiro e março.
 
No continente norte-americano, a Audi também continuou a crescer em março, aumentando as vendas em 8,3%, para cerca de 24.550 carros. Com cerca de 61.400 entregas, a empresa registrou crescimento de 10,2% ano a ano na região desde janeiro. Somente no Canadá, a Audi vendeu 3.404 unidades em março, mantendo seu crescimento de dois dígitos nas vendas nos últimos meses (+14%). Desde janeiro, um em cada três clientes canadenses da Audi escolheu um Q5. A Audi of America também alcançou mais um mês recorde, com crescimento nas vendas de 7,4%, para 20.090 unidades. A família Q mais uma vez contribuiu amplamente para esse sucesso. A quota de SUVs nos Estados Unidos é atualmente de 52%, ou seja, um em cada dois modelos da Audi vendidos neste mercado pertence à família Q. O Q7 vem se mostrando bastante popular. No mês passado, um em cada três modelos Audi entregue para um cliente norte-americano foi um Q7. Em todos os modelos, as vendas acumuladas aumentaram 9,7% nos Estados Unidos.
 
A Audi Center Sorocaba, responsável pela comercialização dos modelos da marca em Sorocaba e região, fica na Avenida Doutor Armando Pannunzio, 1091 e o telefone é o (15) 3141-9000.  Para conhecer uma oferta, clique AQUI!

Notícias < Voltar
Audi registra recorde de vendas no primeiro trimestre
 

Audi registra recorde de vendas no primeiro trimestre

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Foram vendidos 463.800 carros, um crescimento de 9,8%

10 de Abril de 2018

A Audi atingiu um novo recorde: fechou seu melhor primeiro trimestre na história. Entre janeiro e março, a companhia vendeu cerca de 463.800 automóveis em todo o mundo, 9,8% a mais do que no mesmo período do ano passado. As altas demandas na China (+41,9%) e na América do Norte (+10,2%), em particular, impulsionaram o crescimento nos primeiros três meses do ano. Na Europa, no entanto, as vendas desde janeiro ficaram abaixo do nível recorde de 2017, com uma queda de 4,7%. Em março, a empresa entregou cerca de 183.750 automóveis premium (+6%) em todo o mundo.
 
Na China, a Audi também fechou o primeiro trimestre com sucesso. A companhia entregou 154.270 carros desde janeiro, um aumento de 41,9% no país. No mês passado, a demanda cresceu 30,6%; a montadora vendeu mais automóveis na China do que nunca no mês de março, entregando 54.031 unidades. O A4 provou ser uma peça importante para esse crescimento. O número de entregas do modelo aumentou em 86,4% de um ano para o outro, com mais de 13.800 carros. Desde o início de 2018, mais de 37.350 clientes chineses receberam suas chaves por um A4 (+99.2%). O campeão de vendas também segue essa tendência positiva mundialmente, alcançando crescimento de 15,3%, para cerca de 87.850 A4 entregues no período de janeiro a março.
 
Com queda de 5,8% nas vendas em março, a Europa é indicativa da complexa situação de renovação do portfólio da marca. Na Alemanha e no Reino Unido, os dois maiores mercados europeus da Audi, as entregas caíram em relação aos fortes números de vendas de 2017. No mercado interno, a marca premium entregou 28.247 automóveis (-9%) no último. No Reino Unido, as vendas caíram 2,9% em março se comparado ao mesmo mês do ano passado. No primeiro trimestre, as vendas no Reino Unido ficaram em pé de igualdade com o ano anterior, subindo 0,1%, e tiveram um desempenho muito mais resiliente do que o mercado geral em declínio. As demandas na Espanha (+11,3%) e na Itália (+2,8%) também permaneceram positivas no mês passado. Em ambos os mercados, o interesse no Q5 se manteve desde o início do ano: 1.618 clientes espanhóis (+51,5%) e 2.106 compradores italianos (+131,9%) optaram pelo SUV no primeiro trimestre. Outro resultado positivo: na Áustria, a Audi conquistou uma liderança de mercado premium em relação aos emplacamentos de carros entre janeiro e março.
 
No continente norte-americano, a Audi também continuou a crescer em março, aumentando as vendas em 8,3%, para cerca de 24.550 carros. Com cerca de 61.400 entregas, a empresa registrou crescimento de 10,2% ano a ano na região desde janeiro. Somente no Canadá, a Audi vendeu 3.404 unidades em março, mantendo seu crescimento de dois dígitos nas vendas nos últimos meses (+14%). Desde janeiro, um em cada três clientes canadenses da Audi escolheu um Q5. A Audi of America também alcançou mais um mês recorde, com crescimento nas vendas de 7,4%, para 20.090 unidades. A família Q mais uma vez contribuiu amplamente para esse sucesso. A quota de SUVs nos Estados Unidos é atualmente de 52%, ou seja, um em cada dois modelos da Audi vendidos neste mercado pertence à família Q. O Q7 vem se mostrando bastante popular. No mês passado, um em cada três modelos Audi entregue para um cliente norte-americano foi um Q7. Em todos os modelos, as vendas acumuladas aumentaram 9,7% nos Estados Unidos.
 
A Audi Center Sorocaba, responsável pela comercialização dos modelos da marca em Sorocaba e região, fica na Avenida Doutor Armando Pannunzio, 1091 e o telefone é o (15) 3141-9000.  Para conhecer uma oferta, clique AQUI!

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!