Revista Comprecar
Caminhões elétricos já são uma realidade
Daimler Trucks inicia testes com caminhões elétricos, em Portugal
Caminhões elétricos já são uma realidade
07 de Agosto de 2014

A Daimler Trucks (uma das empresas que compõe o grupo da Mercedes-Benz) aposta no caminhão Fuso Canter. Trata-se do caminhão pioneiro no sistema de propulsão alternativo no segmento de veículos comerciais. A marca Fuso, subsidiária da Daimler no Japão, abriga o Centro de Competência em Tecnologia Híbrida da Daimler Trucks e, com base nesta experiência, também é responsável pelo desenvolvimento do novo Canter E-Cell "zero emissões”, com propulsão elétrica por bateria. Assim, o primeiro caminhão leve totalmente elétrico produzido em série, já circula livre de emissões e é quase totalmente silencioso.
 
Para quem ainda não sabe, a divisão de caminhões da Mitsubishi é hoje contralada pela Daimler (dona da Mercedes Benz). A história é assim: a então DaimlerChrysler tinha participação majoritária na MMC em 1998. Essa última detinha participações nas divisões de veículos de passeios e comerciais. Em 2003/2004, a empresa dividiu a operação e vendeu a parte de automóveis para o grupo Mitsubishi, ficando como sócia majoritária da divisão de comerciais, a Fuso, com 43% das ações. O restante foi divido entre a MMC e outras empresas do grupo Mitsubishi. Em 2005, a MMC saiu da operação da Mitsubishi Fuso, ficando a DaimlerChrysler com 85% da operação (o restante com outras empresas do grupo Mitsubishi). Em 2011 ocorreu o último aumento de capital da Daimler na Mitsubishi FUSO. E nessa oportunidade, a Daimler assumiu a operação completamente.
 
Assim, o Canter E-Cell (o tal caminhão elétrico) é fabricado na planta de Tramagal, em Portugal. Oito veículos deste modelo foram liberados para um ano de testes em clientes, para serem utilizados em condições reais.
 
O Canter E-Cell "zero emissões" atende às restrições cada vez maiores ao trânsito nas grandes cidades, atendendo especialmente às operações em locais de acesso limitado, como: trânsito nos centros das cidades, áreas de proteção ambiental e espaços exclusivos para pedestres. Sendo uma forma mais sustentável de transporte, este caminhão Fuso também oferece às empresas a oportunidade de diferenciar sua imagem perante os clientes e o público em geral.
 
Os testes feitos por clientes com o Canter E-Cell, em condições reais de operação, terão um ano de duração. Os oito caminhões destinados a esta finalidade baseiam-se num modelo com distância entre eixos de 3,4 m. Eles são equipados com carroçaria do tipo plataforma com comprimento de 4,3 metros, ou baú com comprimento de 4,4 metros.
 
As capacidades desses caminhões elétricos leves serão testadas em uma ampla gama de operações, em Portugal. A cidade de Lisboa utilizará o Canter E-Cell para transporte de produtos agricolas e coleta de lixo. Já na cidade do Porto, o veículo fará transporte geral entre órgãos municipais. Na cidade de Abrantes também atuará no setor agricola.
 
A empresa Transporta usará o Canter E-Cell nas entregas domiciliares em seus serviços de distribuição de curta distância. Na fornecedora de energia REN, o caminhão destina-se às atividades de transporte dentro da região portuária de Sines, ao sul de Lisboa. E por fim, o Canter E-Cell atuará no serviço de correios nacionais portugueses "CTT" no transporte entre seus centros de distribuição na capital do país.
 
Autonomia
 
Um total de quatro conjuntos de baterias está localizado em cada lado do quadro de chassi do caminhão, acomodados em duas caixas totalmente encapsuladas. São baterias de lítio-íon com uma capacidade nominal impressionante de 48,4 kWh. Isso dá ao Canter E-Cell uma autonomia de mais de 100 km, mais do que a maioria dos veículos de distribuição em curto percurso viaja por dia. A carga das baterias em 230 volts leva cerca de sete horas, enquanto o uso de um sistema de carga rápida pode reduzir esse prazo para somente uma hora.

Notícias < Voltar
Caminhões elétricos já são uma realidade
 

Caminhões elétricos já são uma realidade

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Daimler Trucks inicia testes com caminhões elétricos, em Portugal

07 de Agosto de 2014

A Daimler Trucks (uma das empresas que compõe o grupo da Mercedes-Benz) aposta no caminhão Fuso Canter. Trata-se do caminhão pioneiro no sistema de propulsão alternativo no segmento de veículos comerciais. A marca Fuso, subsidiária da Daimler no Japão, abriga o Centro de Competência em Tecnologia Híbrida da Daimler Trucks e, com base nesta experiência, também é responsável pelo desenvolvimento do novo Canter E-Cell "zero emissões”, com propulsão elétrica por bateria. Assim, o primeiro caminhão leve totalmente elétrico produzido em série, já circula livre de emissões e é quase totalmente silencioso.
 
Para quem ainda não sabe, a divisão de caminhões da Mitsubishi é hoje contralada pela Daimler (dona da Mercedes Benz). A história é assim: a então DaimlerChrysler tinha participação majoritária na MMC em 1998. Essa última detinha participações nas divisões de veículos de passeios e comerciais. Em 2003/2004, a empresa dividiu a operação e vendeu a parte de automóveis para o grupo Mitsubishi, ficando como sócia majoritária da divisão de comerciais, a Fuso, com 43% das ações. O restante foi divido entre a MMC e outras empresas do grupo Mitsubishi. Em 2005, a MMC saiu da operação da Mitsubishi Fuso, ficando a DaimlerChrysler com 85% da operação (o restante com outras empresas do grupo Mitsubishi). Em 2011 ocorreu o último aumento de capital da Daimler na Mitsubishi FUSO. E nessa oportunidade, a Daimler assumiu a operação completamente.
 
Assim, o Canter E-Cell (o tal caminhão elétrico) é fabricado na planta de Tramagal, em Portugal. Oito veículos deste modelo foram liberados para um ano de testes em clientes, para serem utilizados em condições reais.
 
O Canter E-Cell "zero emissões" atende às restrições cada vez maiores ao trânsito nas grandes cidades, atendendo especialmente às operações em locais de acesso limitado, como: trânsito nos centros das cidades, áreas de proteção ambiental e espaços exclusivos para pedestres. Sendo uma forma mais sustentável de transporte, este caminhão Fuso também oferece às empresas a oportunidade de diferenciar sua imagem perante os clientes e o público em geral.
 
Os testes feitos por clientes com o Canter E-Cell, em condições reais de operação, terão um ano de duração. Os oito caminhões destinados a esta finalidade baseiam-se num modelo com distância entre eixos de 3,4 m. Eles são equipados com carroçaria do tipo plataforma com comprimento de 4,3 metros, ou baú com comprimento de 4,4 metros.
 
As capacidades desses caminhões elétricos leves serão testadas em uma ampla gama de operações, em Portugal. A cidade de Lisboa utilizará o Canter E-Cell para transporte de produtos agricolas e coleta de lixo. Já na cidade do Porto, o veículo fará transporte geral entre órgãos municipais. Na cidade de Abrantes também atuará no setor agricola.
 
A empresa Transporta usará o Canter E-Cell nas entregas domiciliares em seus serviços de distribuição de curta distância. Na fornecedora de energia REN, o caminhão destina-se às atividades de transporte dentro da região portuária de Sines, ao sul de Lisboa. E por fim, o Canter E-Cell atuará no serviço de correios nacionais portugueses "CTT" no transporte entre seus centros de distribuição na capital do país.
 
Autonomia
 
Um total de quatro conjuntos de baterias está localizado em cada lado do quadro de chassi do caminhão, acomodados em duas caixas totalmente encapsuladas. São baterias de lítio-íon com uma capacidade nominal impressionante de 48,4 kWh. Isso dá ao Canter E-Cell uma autonomia de mais de 100 km, mais do que a maioria dos veículos de distribuição em curto percurso viaja por dia. A carga das baterias em 230 volts leva cerca de sete horas, enquanto o uso de um sistema de carga rápida pode reduzir esse prazo para somente uma hora.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!