Anuncie seu veículo já

Honda apresenta o novo WR-V 2021

Destaque para o visual renovado e a inclusão de mais equipamentos para conforto e segurança

A Honda apresentou o compacto WR-V 2021, que chega com novo design, mais equipamentos e aprimoramentos em segurança em todas as versões. Outra novidade é o lançamento da versão LX, focada no custo-benefício. A linha 2021 contará com as versões LX, EX e EXL.

Na linha 2021, o WR-V está mais moderno. Na dianteira, traz uma nova grade frontal, com desenho horizontal e área cromada mais estreita. O visual é realçado pela iluminação em led nas versões EX e EXL. Os faróis de neblina ganham uma nova moldura, também com sistema LED nas versões EX e EXL. De série em todas as versões, estão as luzes diurnas de rodagem (DRL) também em LED.

Na traseira, o WR-V traz novo para-choque (67 mm mais comprido) garantindo maior proteção à tampa do porta-malas. Também recebe novas lanternas, que nas versões EX e EXL tem iluminação em LED. 

O WR-V 20212 traz rodas de 16 polegadas, com um novo acabamento escurecido (nas versões EX e EXL), bem como uma nova cor para a carroceria, o Azul Cósmico Metálico.

Interior

Em todas as versões, traz bancos com revestimentos de alta qualidade. As versões LX e EX, equipadas com bancos em tecido, recebem uma nova padronagem em relevo, enquanto a EXL, que possui bancos em couro com costuras na cor preta. O painel ganha atualizações pontuais, com a utilização de friso do volante e molduras do painel em black piano, além de detalhes cromados.

O WR-V traz de série em todas as versões, o exclusivo sistema de bancos “Magic Seat”. Ele permite diversas configurações de assentos e a acomodação de objetos de grandes dimensões. 

Na lista de equipamentos, desde a versão LX, o WR-V vem equipado com ar-condicionado, direção assistida eletricamente, vidros elétricos nas quatro portas e retrovisores elétricos com setas integradas. O SUV traz ainda imobilizador, sistema de áudio com conexão Bluetooth e câmera de ré integrada, além de tapetes em carpete.

A versão EX acrescenta ar-condicionado digital e automático touchscreen, e central multimídia touchscreen de 7 polegadas, com conectividade com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto. Também conta com apoio de braço no console central, painel bluemeter, volante revestido em couro e controle de cruzeiro. Novidade na linha 2021, a versão EX passa à contar com os paddle shifts para trocas sequenciais de marchas, sensores de estacionamento traseiros e sistema de áudio com dois tweeters adicionais aos quatro alto-falantes.

Já a versão EXL incorpora bancos revestidos em couro, navegador GPS integrado ao sistema multimídia, retrovisores eletricamente rebatíveis, sensores de estacionamento dianteiros e espelho interno fotocrômico.

Segurança

A linha 2021 marca a introdução de aprimoramentos em segurança, com a adoção dos controles de estabilidade e tração (VSA), assistente de partida em aclive (HSA) e alerta de frenagem emergencial (ESS) em todas as versões, como equipamento de série. O modelo também traz sensor crepuscular, para o acendimento automático dos faróis, com regulagem de altura do facho.

Todas as versões do WR-V trazem airbags frontais, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), além da exclusiva estrutura de deformação progressiva ACE TM (Advanced Compatibility Engineering) e barras de proteção nas portas, garantindo a máxima proteção nas eventuais situações de colisão.

A versão EX acrescenta airbags laterais (totalizando 4 airbags), enquanto a versão topo de linha EXL acrescenta os airbags de cabeça, totalizando seis airbags.

Versatilidade

O WR-V conta com boa altura em relação ao solo (a maior entre concorrentes diretos), e ângulos de ataque e saída compatíveis com a proposta de um crossover/SUV. Tudo isso, ajuda bastante na transposição de obstáculos, sem bater ou raspar a parte inferior do veículo.

A suspensão adota amortecedores com batente hidráulico e haste do amortecedor reforçada, barra estabilizadora robusta, projetada para minimizar a rolagem da carroceria, garantindo estabilidade mesmo com uma altura do solo mais elevada. O eixo traseiro tem seu desenvolvimento baseado no HR-V, e traz alta rigidez para o aumento do conforto e dirigibilidade. 

A caixa de direção EPS (Electric Power Steering), é eletricamente assistida, desenvolvida especificamente para o WR-V, permitindo um raio de manobra de apenas 5,3 metros.

Motorização

O WR-V é equipado com o motor 1.5 i-VTEC FlexOne e traz excelente desempenho e economia de combustível, com performance similar à de veículos com maior cilindrada. Com etanol, esse propulsor gera 116 cv de potência a 6.000 rpm e 15,3 kgf.m de torque a 4.800 rpm – quando abastecido com gasolina, são 115 cv a 6.000 rpm e 15,2 kgf.m a 4.800 rpm. A transmissão é a já conhecida CVT com conversor de torque.

Nas versões EX e EXL,  os Paddle Shifts permitem simular trocas de marchas, garantindo maior controle do motorista em condições específicas.

Melhor Valor de Revenda

Recentemente, o WR-V foi reconhecido com o selo Melhor Valor de Revenda 2020, na categoria SUV compacto, em estudo realizado por instituto especializado.  O estudo indica os modelos que menos desvalorizaram no último ano (2019), ou seja, aqueles que mais preservaram o valor investido pelo proprietário. O WR-V alcançou a melhor marca em sua
categoria, com 26%.

O conceito de depreciação adotado no estudo calcula o valor residual do veículo, ou seja, o quanto o modelo custava em uma data específica no passado e o quanto ele custa no presente. Foram considerados os preços dos modelos em janeiro de 2019, de acordo com os valores sugeridos pelos fabricantes, e o preço alcançado 12 meses depois (janeiro de 2020) na hora da revenda.

Em um estudo exclusivo solicitado pela Honda, para calcular o custo de depreciação do WR-V frente a dois concorrentes do mesmo segmento, faixa de preços e nível de equipamentos, o WR-V foi o modelo que menos desvalorizou em um período de três anos, demonstrando a força da marca Honda e a qualidade do produto.

De acordo com a análise, o WR-V desvalorizou 38,7% a menos que o seu concorrente A e 47,7% a menos que seu concorrente B. A depreciação é o gasto mais relevante dentro do custo total de propriedade (que soma as despesas de desvalorização, consumo de combustível, documentação, seguro e manutenções), equivalendo a 33% do valor total gasto com um automóvel no período de uso – levando em consideração a média dos três veículos analisados pelo estudo.

Início das vendas

O WR-V 2021 será comercializado no Brasil em três versões - LX, EX e EXL – nas seguintes cores: Branco Tafetá (sólida), Prata Platinum, Cinza Barium (metálicas), Preto Cristal, Branco Estelar e Vermelho Mercúrio (perolizadas), além da nova cor Azul Cósmico Metálico. O modelo tem três anos de garantia, sem limite de quilometragem e estará disponível a partir de outubro nas concessionárias Honda Chroma Veículos (www.chromaveiculos.com.br), com unidades em Jundiaí, Atibaia, Vinhedo e Bragança Paulista.

Preços:

LX - R$ 83.400,00
EX – R$ 90.300,00
EXL - R$ 94.700,00