Anuncie seu veículo já

Instituto Renault gera renda social por meio da produção de máscaras

Cerca de 96 mil máscaras descartáveis já foram encomendadas de projetos apoiados pelo Instituto

Equipamento essencial para a prevenção ao coronavírus, as máscaras também representam uma grande oportunidade de geração de renda para diversas famílias em vulnerabilidade social durante o período de pandemia. Com este pensamento, o Instituto Renault vem desenvolvendo uma série de inciativas buscando capacitar profissionais e instituições para a produção de máscaras descartáveis. Ao todo, já são cerca de 96 mil máscaras encomendadas diretamente de projetos sociais.

A Renault encomendou um segundo lote de 40 mil máscaras da Associação Borda Viva, projeto apoiado pelo Instituto Renault situado próximo ao Complexo Ayrton Senna em São José dos Pinhais (PR). Em abril, o Instituto havia realizado a formação das mulheres da comunidade que trabalham no projeto Casa da Costura para a produção de máscaras descartáveis. Ao todo são sessenta mulheres envolvidas no processo de produção. Além deste pedido, a Renault também solicitou as 5 mil máscaras para entregar à AACD.

Com estes novos pedidos, já são 85 mil máscaras solicitadas à Associação. O primeiro lote de 40 mil unidades, já foi entregue à Renault. O objetivo é continuar gerando renda para as mulheres da comunidade e garantir a segurança para os mais de 7 mil colaboradores da montadora no Brasil.

O Instituto Renault também realizou a entrega de 8 mil máscaras à Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Paraná (SEJUF). Os itens foram confeccionados pelo Programa Supera, uma das frentes de inclusão da Unilehu, apoiada desde 2016 pelo Instituto Renault, que por meio da formação na costura e estamparia gera renda para diversas pessoas em situação de vulnerabilidade social.

As máscaras estão sendo distribuídas juntamente com as cestas básicas doadas pelo Governo do Estado do Paraná, por meio da SEJUF, às famílias dos alunos da rede estadual de ensino.

A entrega totaliza o pedido de 11 mil máscaras feito pelo Instituto Renault ao Programa Supera. O primeiro lote, contendo 3 mil máscaras, já havia sido distribuído em abril, entre a Secretaria da Saúde de São José dos Pinhais, a Instituição Pequeno Cotolengo e a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Paraná.