Anuncie seu veículo já

Modelo novo na área: desvendando o Chevrolet Tracker

Novo modelo será comercializado no Brasil, mas ainda sem data definida

O Chevrolet Tracker foi exposto no famoso Salão de Xangai, na China, onde apareceu pela primeira vez. Contudo, sua parte interna estava escondida graças à aplicação de insulfilm em suas janelas e das portas trancadas.

Depois de um certo tempo, a GM revelou o interior do veículo, com um visual que já tinha sido visto anteriormente em flagras esporádicos. Sua chegada ao Brasil se dará no ano de 2020 e será produzido no Brasil, ou seja, ele não será mais importado do México. Vamos conhecer o novo modelo da montadora norte-americana e quais são as suas características.

Como é o novo Chevrolet Tracker?

Até então, há mais informações sobre o modelo que será comercializado em solo asiático. Haverá duas motorizações: a 1.0 turbo, com 125 cv de potência e 18,3 kgfm de torque e a 1.3 turbo, chamada de 335T, com 164 cv e 24,5 kgfm.

Na motorização 1.0 turbo, será possível escolher câmbio manual ou automático, ambos com seis marchas, enquanto a 1.3 turbo é oferecida apenas em versão automática, com câmbio tipo CVT.

A potência é melhor do que a empregada no Brasil atualmente, em sua versão 1.4 turbo, que apresenta 153 cv. O torque, de 24,5 kgfm, é o mesmo com uso de etano. O veículo pode atingir de 0 a 100 km/h em até 8,9 segundos, ao mesmo tempo em que promete economia no consumo de combustível.

Já é certo que a motorização 1.0 turbo virá para o Brasil, que chegou no ano de 2019 para as novas gerações do Onix e do Prisma. A diferença é de que a versão nacional será flex e com um pouco mais de potência e de torque.

O motor mais potente, provavelmente, será um 1.2 turbo com quase 150 cv de potência, além disso, a tendência é de que o câmbio automático não seja o CVT, mas, sim, o tradicional com seis marchas.

A versão mais completa será a Redline, com características mais esportivas. Ela trará faróis em LED, teto solar panorâmico e rodas de 17”. O comprimento é de 4,27 m, a largura de 1,79 m e o entre-eixos de 2,57 m de distância, todas medidas 2 cm maiores do que a versão anterior. Apenas a altura é de 1,60 m, 7 cm a menos que a anterior.

Isso se dá devido ao fato de que o novo Tracker virá em uma nova plataforma global para mercados emergentes, a GEM, idêntica à que será usada nos novos Onix e Prisma.

Em relação ao visual, o SUV compacto traz uma grade trapezoidal na cor preta brilhante e faróis delgados. O para-choque dianteiro e o capô têm vincos mais destacados, ao passo que a traseira traz lanternas horizontais imediatamente abaixo do vidro.

O painel segue o estilo do Ford Orlando, com destaque para a tela flutuante de seu sistema multimídia, além de um painel de instrumentos com dois marcadores analógicos que aparecem ao redor de uma tela LCD colorida de 3,5”. O porta-malas passou de 306 para 390 litros, o qual pode chegar a ótimos 1.334 litros com os bancos rebatidos.

Se você está interessado em adquirir um novo carro em Limeira, Americana ou em outras cidades do interior de São Paulo, conte com a Comprecar, que atua com força em tais áreas e também atende a outras regiões do país, com opções ideais para caber no orçamento e atender às expectativas de cada cliente.