Anuncie seu veículo já

Novo Honda City chega com mais equipamentos e duas carrocerias

novo-honda-city-chega-com-mais-equipamentos-e-duas-carrocerias

Preços do modelo sedan tem valores entre R$108.300 e R$123.100; modelo hatchback chega em março

A Honda apresentou hoje a nova geração do City, que agora chega ao mercado totalmente atualizado, com nova motorização, novo design e equipamentos exclusivos que antes estavam presentes somente nos modelos mais caros da montadora. Ocasionando o fim do Fit no Brasil, a Honda conta agora com uma configuração hatchback do City. 

Design

O ponto mais chamativo da nova geração é o design, que agora lembra mais o Civic do que o City anterior. A dianteira do modelo traz a já conhecida identidade visual da Honda, com ampla grade dianteira cromada e faróis em LED com desenho bem semelhante aos utilizados nos irmãos maiores HR-V e Civic. As opções mais baratas incluem um farol de lâmpadas halógenas com sistema de projetor. O para-choque também é novo, concedendo um design mais refinado e ligeiramente mais esportivo.

A lateral recebe um forte vinco na linha de cintura, logo abaixo dos retrovisores e acima das maçanetas. O destaque fica por conta das rodas de liga-leve R16 presentes em todas as configurações. Os retrovisores que antes eram presos à coluna A agora são fixados na porta, que de acordo com a montadora, foram alterados para aumentar o campo de visão.

Na traseira a montadora optou por um design curto mesmo no sedan, ao contrário da dianteira que é bem mais longa. Em todas as versões a traseira conta ainda com iluminação de LED na lanterna e na luz de freio. O hatch traz dianteira idêntica, mas a traseira possui um corte mais brusco após a coluna C.

Dimensões

O novo City cresceu sutilmente em praticamente todas as dimensões, com exceção da altura que agora é 8mm menor, visando melhor enquadramento no conceito “Low & Wide”, ou seja, baixo e largo.

O comprimento de 4.549mm entrega 94mm a mais que o modelo anterior. A largura também cresceu pouco, com 53mm a mais e chegando aos 1.748mm. O entre-eixos é o mesmo para as duas carrocerias, com 7cm a mais que a gama anterior. Confira as dimensões do City Hatch em relação ao Fit, modelo que foi substituído pela novidade: 

Comprimento: 4.341mm (+245mm). 
Largura: 1.748mm (+54mm).
Altura: 1.498mm (-37mm). 
Entre-eixos: 2.600mm (+70mm). 

Os dois porta-malas perderam espaço, embora ainda seja um volume mediano para o sedan. Enquanto o Fit trazia 363 litros, o City hatchback entrega 268 litros O sedan passou de 536 litros para 519 litros.

A vantagem é que a variante hatchback continuou com o sistema de modularidade interna Magic Seat, o qual permite diversas configurações diferentes do banco, para que seja possível levar cargas mais compridas ou mais altas, a depender da necessidade. A Honda destaca que no modo Utility (No total são 4: Utility, Long, Tall e Refresh) a capacidade que era de 1.045L no Fit passou para 1.168L no modelo novo. 

Estrutura e Plataforma

A nova geração do sedan também passou por melhorias na estrutura, reduzindo 4,3kg e aumentando a rigidez torcional em 20,4%. A carroceria hatch ainda apresenta números mais generosos, com alta de 6% na rigidez em relação ao sedan, e 7,3kg a menos. 
Outro ponto de melhoria foi o conjunto de suspensão, que passa a contar com novos amortecedores e com o sistema stop hidráulico, composto por uma câmara que desacelera a haste do amortecedor, evitando o ruído de uma batida seca quando o carro passa por alguma lombada ou buraco, por exemplo. O silêncio a bordo também foi retrabalhado pela Honda, ficando menos ruidoso. 

Conjunto Mecânico

O powertrain ainda é composto por um motor aspirado e por uma transmissão do tipo CVT, mas agora com exclusividades. 
O motor 1.5 DI DOHV i-VTEC é uma novidade, ganhando cabeçote, bloco e cárter novos e em alumínio.

Vale lembrar que essa motorização pertence à mesma família do 1.5 turbo presente no Civic Touring, mas neste caso sendo aspirado.
O duplo comando de válvulas e a injeção direta são tecnologias que estão presentes na nova geração, mas que ainda não equipavam a linha anterior.

A potência agora é de 126cv com qualquer combustível, disponível em 6.200rpm. Já o torque alcança os 15,5 kgfm com gasolina e 15,8 kgfm com etanol, sempre em 4.600rpm.

A única transmissão disponível é a continuamente variável (CVT) que simula 7 marchas. Essa caixa recebeu em todas as versões, os paddle shifts para trocas de marcha atrás do volante. O sistema EDDB constata quando o motorista está freando em um aclive e reduz a marcha para aumentar a eficiência do freio-motor.

Os números de desempenho não foram divulgados pela Honda, mas nota-se que ela priorizou o baixo consumo de combustível, alcançando as seguintes médias definidas pelo Inmetro:

City Sedan
Cidade: 9,2 km/l (E) e 13,1 km/l (G). 
Estrada: 10,5 km/l (E) e 14,8 km/l G).

City Hatch
Cidade: 9,1 km/l (E) e 13,3 km/l (G). 
Estrada: 10,5 km/l (E) e 14,8 km/l (E). 

Interior

Na cabine os novos modelos ganharam um acabamento mais sofisticado, e ainda que utilizem plásticos duros em vários locais, de acordo com a Honda os pontos de contato com o motorista são compostos por materiais agradáveis ao toque.
Os bancos receberam atualizações para se tornarem mais confortáveis em viagens mais longas, de forma que não deixe os passageiros cansados.

O painel de instrumentos ainda é convencional na configuração EX, mas a partir da EXL ele recebe uma tela configurável de 7” no lado esquerdo, mantendo o velocímetro em analógico na direita. A central multimídia tem 8” e conexão sem fio para Android Auto e Apple Car Play.

Versões e equipamentos

O salto da lista de equipamentos foi bem grande, principalmente na versão de topo que agora é contemplada com o pacote Honda Sensing, responsável por trazer tecnologias semiautônomas. O City é o primeiro modelo da Honda produzido no Brasil e um dos únicos da categoria a contar com esse pack de sistemas avançados, se juntando ao Peugeot 208.

Confira os equipamentos disponíveis:

Honda City Sedan EX 1.5 CVT – R$ 108.300 - Chave presencial com destravamento das portas e partida por botão, ar-condicionado digital, central multimídia de 8”, câmera de ré, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, 6 airbags, faróis de neblina, rodas de liga-leve R16, volante multifuncional, faróis com projetor, lanternas traseiras em LED e sensor de pressão dos pneus.

Honda City Sedan EXL 1.5 CVT - R$114.700 - Acrescenta sensores de estacionamento traseiros, bancos em couro, painel de instrumentos com tela digital de 7”, chave presencial com travamento das portas, câmera de monitoramento do ponto cego e ar-condicionado digital e automático.

Honda City Sedan Touring 1.5 CVT - R$123.100 - Adiciona sensores de estacionamento dianteiros, retrovisor interno eletrocrômico, faróis full LED, piloto automático adaptativo, faróis de neblina em LED, frenagem automática de emergência, sistema de permanência em faixa e farol alto automático.

A versão hatch está disponível somente nas configurações EXL e Touring, e também englobam o sistema Magic Seat. O pacote de equipamentos é basicamente o mesmo, mas a câmera de monitoramento de ponto cego está disponível apenas na versão de topo Touring. 
Como o City Hatch será lançado apenas em março de 2022, seus valores ainda não foram divulgados. Sua pré-venda começa em janeiro. 

Cores

O sedan está disponível em 6 cores: 
- Sólida: Branco Tafetá.
- Metálicas: Azul Cósmico, Prata Platinum e Cinza Barium. 
- Perolizadas: Branco Topázio e Preto Cristal. 
Vale lembrar que na versão Touring o interior traz couro claro quando a pintura externa é Branco Topázio, Cinza Barium ou Azul Cósmico. Nas demais o couro é preto.
O hatch se difere pelo interior sempre em preto e pela adição das cores perolizadas Vermelho Mercúrio e Cinza Grafeno. 

Pré-Venda

A partir do dia 23/11 você já pode reservar seu novo City Sedan nas concessionárias Honda do grupo Chroma Veículos, disponíveis em Jundiaí, Vinhedo, Bragança Paulista e Atibaia. Basta acessar o site e garantir o mais novo lançamento da Honda no Brasil: https://www.chromaveiculos.com.br/

O sedan deverá chegar oficialmente em janeiro, no mesmo mês em que começa a pré-venda do Honda City Hatch, com lançamento previsto para março de 2022.
 

  • .jpeg
  • .jpeg
  • .jpeg
  • .jpeg
  • .jpeg
  • .jpeg
  • .jpeg