Revista Comprecar
Porsche muda nomes de alguns carros com motores centrais
Boxster e Cayman passam a ser comercializados como série de modelos 718
Porsche muda nomes de alguns carros com motores centrais
11 de Dezembro de 2015

O 718 Boxster e o 718 Cayman serão os novos nomes dos carros esportivos de dois lugares com moto res centrais produzidos pela Porsche a partir da mudança de modelos em 2016. A designação 718 é uma referência ao carro esporte pioneiro desse tipo lançado em 1957, que obteve muito sucesso em algumas das mais famosas corridas de automóveis.
 
O 718 Boxster e o 718 Cayman estão mostrando mais similaridades, tanto do ponto de vista visual como técnico. No futuro ambos terão moto res horizontais de quatro cilindros com turboalimentação. No futuro, o Roadster será posicionado a um nível de preços mais alto do que o Coupé, como acontece com os modelos 911. A Porsche irá apresentar o 718 Boxster e o 718 Cayman ao longo de 2016.
 
A série de modelos 718 é uma continuação do conceito de quatro cilindros e da história de carros esportivos da Porsche. O último exemplo é o carro de corridas 919 Hybrid LMP1, que também possui um moto r de quatro cilindros turboalimentado com apenas dois litros altamente eficiente. Com ele, a Porsche não apenas terminou a prova 24 Horas de Le Mans em primeiro e segundo lugares e venceu os títulos de campeão de fabricantes e pilotos no Campeonato Mundial de Endurance (WEC). Com essas vitórias, o 919 Hybrid mostrou as perspectivas para o potencial dos futuros moto res dos carros es-portivos da Porsche.
 
História do 718 com moto r horizontal de quatro cilindros
 
Motores horizontais de quatro cilindros têm uma longa tradição na Porsche. No final da década de 1950, o 718 - sucessor do Porsche 550 Spyder - representaram o nível mais alto de configuração do moto r plano com quatro cilindros. Seja competindo na corrida de 12 horas em Sebring, em 1960, seja no Campeonato Europeu de Subida de Montanha disputado entre 1958 e 1961, o Porsche 718 se impôs frente a inúmeros competidores com seu poderoso e eficiente moto r horizontal de quatro cilindros. O 718 conquistou o primeiro lugar por três vezes, entre 1959 e 1960, na legendária corrida italiana de Targa Florio, disputada na Sicília. Na 24 Horas de Le Mans de 1958, o 718 RSK, com seu moto r quatro-cilindros de 142 hp, obteve uma vitória clássica.
 
Porsche 919 Hybrid
 
Em 2014, a Porsche voltou ao topo da categoria da famosa corrida de resistência em Le Mans e no Campeonato Mundial de Endurance (WEC) com o carro de competição 919 Hybrid. O veículo LMP1 é o carro de corridas mais complexo que a Porsche já construiu. Ele serve como uma plataforma para a fundamental pesquisa de tecnologia para futuros modelos de produção - combinando dois diferentes sistemas de recuperação de energia com um moto r turboalimentado de dois litros e quatro cilindros.

Notícias < Voltar
Porsche muda nomes de alguns carros com motores centrais
 

Porsche muda nomes de alguns carros com motores centrais

Publicado por Redação Comprecar – Especialista em carros usados e motos usadas

Boxster e Cayman passam a ser comercializados como série de modelos 718

11 de Dezembro de 2015

O 718 Boxster e o 718 Cayman serão os novos nomes dos carros esportivos de dois lugares com moto res centrais produzidos pela Porsche a partir da mudança de modelos em 2016. A designação 718 é uma referência ao carro esporte pioneiro desse tipo lançado em 1957, que obteve muito sucesso em algumas das mais famosas corridas de automóveis.
 
O 718 Boxster e o 718 Cayman estão mostrando mais similaridades, tanto do ponto de vista visual como técnico. No futuro ambos terão moto res horizontais de quatro cilindros com turboalimentação. No futuro, o Roadster será posicionado a um nível de preços mais alto do que o Coupé, como acontece com os modelos 911. A Porsche irá apresentar o 718 Boxster e o 718 Cayman ao longo de 2016.
 
A série de modelos 718 é uma continuação do conceito de quatro cilindros e da história de carros esportivos da Porsche. O último exemplo é o carro de corridas 919 Hybrid LMP1, que também possui um moto r de quatro cilindros turboalimentado com apenas dois litros altamente eficiente. Com ele, a Porsche não apenas terminou a prova 24 Horas de Le Mans em primeiro e segundo lugares e venceu os títulos de campeão de fabricantes e pilotos no Campeonato Mundial de Endurance (WEC). Com essas vitórias, o 919 Hybrid mostrou as perspectivas para o potencial dos futuros moto res dos carros es-portivos da Porsche.
 
História do 718 com moto r horizontal de quatro cilindros
 
Motores horizontais de quatro cilindros têm uma longa tradição na Porsche. No final da década de 1950, o 718 - sucessor do Porsche 550 Spyder - representaram o nível mais alto de configuração do moto r plano com quatro cilindros. Seja competindo na corrida de 12 horas em Sebring, em 1960, seja no Campeonato Europeu de Subida de Montanha disputado entre 1958 e 1961, o Porsche 718 se impôs frente a inúmeros competidores com seu poderoso e eficiente moto r horizontal de quatro cilindros. O 718 conquistou o primeiro lugar por três vezes, entre 1959 e 1960, na legendária corrida italiana de Targa Florio, disputada na Sicília. Na 24 Horas de Le Mans de 1958, o 718 RSK, com seu moto r quatro-cilindros de 142 hp, obteve uma vitória clássica.
 
Porsche 919 Hybrid
 
Em 2014, a Porsche voltou ao topo da categoria da famosa corrida de resistência em Le Mans e no Campeonato Mundial de Endurance (WEC) com o carro de competição 919 Hybrid. O veículo LMP1 é o carro de corridas mais complexo que a Porsche já construiu. Ele serve como uma plataforma para a fundamental pesquisa de tecnologia para futuros modelos de produção - combinando dois diferentes sistemas de recuperação de energia com um moto r turboalimentado de dois litros e quatro cilindros.

O veículo que você procura está aqui na Comprecar!