Anuncie seu veículo já

Novo Audi RS5 Coupé

Conheça alguns detalhes no Audi RS5, esportivo da marca que mantém a carroceria de duas portas e design cupê.


=11ptO símbolo vocês já conhecem o Rs da
Audi o famoso e no esporte os carros
esportivos de corrida e esse aqui
pessoal é o Audi RS5 que está chegando
aí o mercado brasileiro mas quem vai
bater um papo comigo a respeito desse
carro olha só
Cláudio chaves tudo bem Cláudio grande
jogo beleza Claudia que o diretor de
comunicação e marketing da Audi do
brasil uma um pouquinho um papo sobre
esse carro que está chegando escala que
vem completar e a família s que nós já
temos aí RS3 RS4 também recém lançado é
a 6 é recente e agora é a 5 chega agora
no mercado essa belíssima novidade esse
carro é uma expressão máxima de
esportividade design então um carro
absolutamente inovador agora à
disposição dos clientes saúde em todo o
Brasil bom vamos falar um pouco da base
mecânica desse carro evidentemente que o
RS4 é simples um carro montado sobre o
A4 e uma síntese à parte isso mesmo
aqui o RS5 tô vendo que está na
configuração cupê de duas portas gente
sabe que existe o a5 Sportback como é
que vai funcionar essa demanda aqui do
RSnessa hora é a mesma situação não sei
se o carro chega no mercado brasileiro
agora uma versão RS5 e muito em breve teremos também o
lançamento da existindo sportback porque
são justamente os carros quatro portas
nessa categoria estão o cliente vai ter
opção desde que é uma linha mais
esportiva e o RS5 sportback com quatro
portas que vamos assim poderia ser uma
liga mais executiva exatamente na
verdade é um executivo esportivo é
sempre gente fala de auto esporte
história de esportividade mas obviamente
o Audi S5 sportback ele traz o conforto
das quatro portas no cupê a
esportividade do carro duas portas sobre
a base mecânica desse carro que a gente
pode falar de motorização contou 2.9
tubo e 450 cavalos de potência a 6 jogos
o torque máximo de 600 mil metros e o
desempenho esse carro é muito
interessante um pouquinho mais rápido
o zero a 100 quilômetros por hora dele
em relação a esse quadro e fazem 3.9
segundos e tem também uma aceleração máxima
velocidade máxima de 280 quilômetros por
hora 280 km por hora a velocidade
realmente bem alta para essa categoria
de carro né sendo que ao menos idade poderão
utilizar obviamente no dia a dia mas
porque em várias pistas novamente com
segurança enquanto o fbi tem a
possibilidade de utilizar todo o
desempenho e esportividade do RS5 bom é
esse 5 quais são os opcionais que esse
carro tem Cláudio e sigamos em frente
será amiga dentro do pacote de áudio e
as estantes mtur
quando a parte de controle adaptativo de
cruzeiro ou da parte também de sensor de
luz alta a parte de controle de
assistência também de mudança de faixa
que o item absolutamente interessante
mas o mais bacana que têm a
possibilidade de ter o tempo também em
carbono você tem opcional do teto em carbono
também tomou posse escolheu o teto
normal ou até ficar bom exatamente como
opcional para quem gosta de
esportividade é único de fato de é
opcional é diferente em relação ao RS 4
a Van é o teto em carbono
agora por exemplo virtual Cockpit nesse
caso e o sistema de som Bang Olufsen é
sempre segue né
sempre serve de banho lutem com 19 alto
falantes dois grupos num carrão
impressionantes 17 155 watts de potência
ou seja dá para poder ver brincou é
fazer uma belíssima balada no carro como
esse e para a parte de virtual conta que
também é com toda parte de gráficos
o dia e essa é a novidade além de toda a
parte do Google antes você pode colocar
a diferença diferencial tamanho g e
velocímetro tacômetro se tem a
possibilidade também de gráficos que
medem a força g do produto em tempo real
é só vocês estão vendo o RS5 chega aí
pra completar a família da Audi em
esporte e agora de baixo aí da nova
marca Audi Sport realmente uma belíssima
aquisição aí pra mim
realmente o novo Audi RS5 é uma anarquia
não falta tecnologia aqui para o máximo
de performance
agora a gente precisa entender como essa
usina de força funciona pra isso
o João Santos aqui tudo bom jogo vencer
o João Santos é instrutor técnico da
Audi vai explicar que vai ajudar a gente
a explicar pra vocês como que esse carro
faz a mágica da potência vamos começar
falando do motor extintor aqui é um
motor V6 3 e ele é derivado daquele 3.0
v6 da Audi mas ainda é um pouco
diferente qual é a diferença a principal
diferença nesse motor esteja trabalhando
com 12 pontos nove à cidade iluminada
diminuiu e porque ele trabalhando com um
sistema de sobre alimentação
redimensionado ou se os dois turbos eles
estão com mais pressão tem ao invés de
trabalhar com uma turbina só trabalha
com duas turbinas e pra lidar com essa
maior pressão sobre alimentação tiveram
que pôr salve breaking aumentar o
diâmetro com isso você reduz curso de 89
pra 87 milímetros ou seja você
diminuindo a cilindrada você consegue
melhorar a densidade de potência exato
pra conseguir isso é controlado por essa
força né e fazer com que o virabrequim
suporte nos parâmetros da marca presença
de qualidade dura vida esse motor com
quantos cavalos ele está mesmo 450
cavalos agora o impressionante aqui são os 600
mil ton metros de toque é bastante
grande e é isso que a gente quer no dia
a dia que é o que a gente mais precisa
aliás no dia a dia agora outra coisa
interessante aqui é que assim já tivemos
aí o rs4 uma transmissão robotizada de
dupla embreagem correto mas aqui nós
temos um câmbio automático Tiptronic 8
porque porque esse carro
devido a essa característica trabalhar
com 68 metro de torque
toda essa demanda é melhor gerenciada
por uma transmissão de oito velocidades
automática ou fechados um conversor de
torque com conversor de torque é mais
resistente do que a rodada de domingo é
mais robusta é pra atender esse porte
que ela consegue vamos administrar
melhor tudo isso com certeza
toda essa força e esse câmbio ele tem aí
uma tração quatro detalhe interessante
é que assim há muita gente pensa que a
tração quatro do Audio é tudo igual e
não é não então a gente tem carros que têm tração
dianteira aquilino traseira que é o caso
por exemplo do RS3 de tt rs efeito muito
bem lembrado mas nós temos carros que a
atração é permanente que é o caso de RS6
RS7 RS4e o RS5 efe
bom como é que a topologia dessa atração
aqui neste caso que a gente tem montagem
do motor longitudinal com transmissão de
oito velocidades a gente vai ter um
diferencial central autoblocante e se
não torce nem famoso torcem rock que vai
distribuir tração das rodas traseiras em
que proporção é normalmente como é que
fica aqui nesse caso em situações
normais de utilização 40% na dianteira
60% na traseira mas isso em situação
normal e condição vamos assim de linha
reta exato
agora se a gente tiver começar até
escorregamento de roda tivesse situações
de perda de aderência como é que essa
atração consegue gerenciar a
distribuição o Tor 100 significa Toxicity ele vai
distribuir esse torque de maneira
controlada em até 85% para trazer ou
seja ele pode pegar e colocar 85% atrás
deixando somente 15% na freira dito isso
de forma automática instantânea
ok e depois o que ele pode fazer em
relação à dianteira trazer até 70% do
toque para a dianteira tudo controlado
pelo sistema do SP
então vamos supor que eu tô com o carro
em cima de uma poça de óleo com as rodas
traseiras eu vou sair super quente ele vai
perceber que as rodas traseiras estão
escorregando e vou jogar até 70% frente
automaticamente ele freia as rodas
traseiras que estão sem tração e
traciona por dianteiras com a maior
capacidade que ele tem de transmitir a
dianteira são 70% de tudo isso torce faz
um tomate tudo estômago
bom além disso Ciro culpa do sistema do
SP o queira ele vai trabalhar 60 40 ok
além de tudo isso existe um diferencial especial ali na
parte traseira do carro na estrada que
diferenciar o que é esse é o famoso
diferencial desportivo que a gente usa
aqui na marca que é responsável pelo
comportamento dinâmico desses veículos
ele ao invés de você ver a roda de
dentro da curva pra trazer o carro para
a trajetória e se diferenciar esportiva
ele tem uma capacidade de gerar uma
multiplicação extra no eixo de fora da
curva gerando esse ângulo dignado aqui
fazendo carro contornar a trajetória de
uma maneira muito mais dinâmico ou seja
ele não vai jogar energia fora pensando
a roda escorregando ele vai assim jogar
força sobre a roda que está tendo tração
e aí você otimiza o sistema
esse diferencial esportivo aqui no
brasil ele é sério nos carros sério nos
nossos carros mas a Europa desce
ele pode ser um opcional da Europa
opcional a partir dos veículos Audi
Sport a partir do ato por um ok bom pessoal
vocês estão vendo aí o novo Audi RS5 pra
entregar a performance aí que faz o
carro e de seroa senha apenas três
pontos nove segundos e a nova rs4 usa a
mesma base mecânica mas é exatamente
igual só que justamente pela questão da
perua ela faz o 0 a 100 um pouquinho
maior que 4 que não é exato a diferença
de peso entre os dois modelos justifica
esse comportamento mas mecanicamente a
estrutura deles exatamente nos dois
carros um Power in é igual exatamente um
pouco como vocês estão vendo aqui na
explicação do João realmente é muita
tecnologia para você conseguir entregar
tudo isso de performance e acima de tudo
uma dirigibilidade que só o sistema
quatro a Audi consegue entregar pra
vocês.